Fraturar alguma parte do corpo pode causar complicações e levar o idoso à morte; saiba como organizar os cômodos da casa e reduzir os riscos de queda

A chegada da terceira idade traz muitas consequências, como a fragilidade nos ossos, a perda de reflexos, a diminuição da agilidade e de força nos músculos. Diante disso, torna-se necessário adaptar os cômodos da casa para evitar acidentes domésticos, uma vez que uma simples queda no banheiro, por exemplo, pode trazer diversas consequências graves à saúde dos idosos ou até levá-los à morte.

Leia também: Cinco dicas para fazer os avós comerem melhor

Fios espalhados pelo chão e ambientes com pouca iluminação são ações que prejudicam os idosos; saiba como resolver
FreePik
Fios espalhados pelo chão e ambientes com pouca iluminação são ações que prejudicam os idosos; saiba como resolver



Pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indica que, em 2050, a população com mais de 60 anos deverá alcançar, aproximadamente, 66,5 milhões. Em 2010, o número de idosos era de 19,6 milhões, ou seja, um aumento de quase 47 milhões em 40 anos. Com essa projeção, investir em medidas para garantir qualidade de vida e saúde se torna imprescindível.

Conforme apontado, evitar acidentes domésticos faz parte dos cuidados essenciais com os idosos. Entre os principais motivos para as quedas dentro da própria residência estão: perda de equilíbrio, dificuldades musculares e neurológicas, problemas de locomoção, diminuição da visão e osteoporose. Além desses riscos, existem aqueles que podem ser ajustados, sendo eles superfícies escorregadias, solos irregulares, pouca iluminação e até objetos e móveis que atrapalham a passagem.

Como adaptar a casa

Para solucionar esses obstáculos, Luiz Fernando Cocco, ortopedista e coordenador do Núcleo de Ortopedia do Hospital Samaritano Higienópolis, em São Paulo, listou quatro dicas para adaptar os cômodos . Confira:

Chão

No banheiro, o ideal é utilizar tapetes antiderrapantes em frente a pia, ao vaso sanitário e dentro do box. Nos outros cômodos, mantenha tapetes e fios elétricos fora do caminho. Ao lavar os pisos, retire toda a água e certifique-se que todos os locais estão secos e sem gordura. Vale também não usar cera, pois o produto deixa as superfícies escorregadias, o que aumenta a chance de sofrer uma queda.

Leia também: Exames para a terceira idade

Iluminação

Os cômodos precisam ser bem iluminados para minimizar as chances de pisar em falso, tropeçar e cair. Os interruptores devem estar em locais de fácil acesso, como perto das portas, nas extremidades da escada e na cabeceira das camas. Uma técnica bastante comum é deixar a luz do banheiro acessa durante a noite. Em contrapartida, pode-se utilizar um abajur com uma lâmpada potente.

Apoio para caminhar

O recomendado é instalar corrimão nos dois lados dos corredores, nas escadas e em todas as vias de acesso aos ambientes. No banheiro, por ser um local mais úmido e com maior possibilidade de quedas, é indicado utilizar barras de apoio no box e no vaso sanitário.

Armários

Para evitar que os idosos subam em bancos e cadeiras para alcançar algum objeto, guarde os utensílios e as roupas mais usadas no dia a dia em locais até a altura da cintura. Dessa forma, não há perigo de desequilibrar e acarretar em um tombo.

Leia também: Seis passos para se tornar um idoso saudável 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.