A astrologia também pode ser ferramenta para desvendar pontos frágeis da saúde

Os médicos utilizam o histórico familiar e os hábitos de vida para traçar os problemas de saúde que podem cruzar o caminho de seus pacientes.

Leia o perfil de cada signo e descubra as características e peculiaridades de cada um

Para chegar aos mesmos alertas sobre seus clientes, os astrólogos investigam a data de nascimento, o local, o céu e a influência dos astros nas doenças.

O olhar astrológico da medicina é ferramenta antiga, usada por alguns doutores e pela maioria dos entendidos nos assuntos cósmicos.

“Eu encaro o mapa astral de uma forma muito semelhante ao mapa genético”, afirma a linguista e psicanalista Vânia Marinelli, especializada em astrologia e saúde.

“Quando fazemos o mapa astral da pessoa encontramos muitas informações relacionadas ao código genético. Encontramos pontos vulneráveis que podem ou não adoecer, pois são influenciados pelo comportamento e pelo estilo de vida das pessoas.”

Segundo Vânia Marinelli, as características individuais são determinantes para tornar a astrologia um caminho complementar aos cuidados médicos tradicionais. Mas a astróloga Titi Vidal acrescenta que as características de personalidade de cada signo, atreladas aos órgãos que são regidos por eles, já podem servir de ponto de partida. “Com estas informações, as pessoas já podem ficar em alerta sobre quais são os problemas mais suscetíveis do seu organismo”, diz Titi.

“Sempre lembrando que a manifestação da doença indica um desequilíbrio interno. Uma mudança na vida pessoal pode evitar que o sintoma persista ou apareça.”


Pontos frágeis do zoodíaco

Aries
Getty Images
Aries





Áries
: O signo rege o cérebro, por isso, Titi Vidal afirma que os arianos costumam sofrer de dores fortes na região, como enxaquecas e sinusites. Os acidentes também tendem a afetar mais a cabeça. As febres costumam ser mais frequentes e altas. Há tendência ainda para cortes e cicatrizes.

Leia mais : Um exercício para cada dor de cabeça


touro
Getty Images
touro








Touro
: Taurinos regem a garganta, sendo mais vulneráveis aos problemas de voz, infecções na faringe e na laringe, problemas na tireoide e adnoide além de dores no pescoço. Como são vaidosos e pecam na alimentação, podem sofrer dos extremos: obesidade ou anorexia.

Leia mais : Ausência de menstruação pode ser problema na tireoide e Os mitos dos transtornos alimentares

gêmeos
Getty Images
gêmeos









Gêmeos
: Signo da comunicação, geminianos são mais suscetíveis aos problemas na fala. O órgão regido por eles é o pulmão, fazendo com que as doenças respiratórias sejam mais recorrentes. Da parte externa, precisam ter cuidado dobrado com os braços, mãos e clavículas.

Leia mais : Cuidado com as doenças respiratórias no verão

cancer
Getty Images
cancer








Câncer
: O signo de câncer rege toda a parte digestiva do organismo, sendo mais propenso às gastrites e úlceras. A parte feminina também vulnerável, por isso é preciso atenção como problemas nas mamas, TPM, endometriose e outras doenças do aparelho ginecológico e reprodutivo. Outra característica é a somatização de sintomas – situação em que problemas psicológicos acabam manifestados por meio de sintomas físicos.

Leia mais : Conheça a endometriose e Chocolate na briga contra TPM

Leão
Getty Images
Leão








Leão
: Leoninos regem o coração, o que faz com que os problemas cardíacos fiquem em evidência (infarto, anginas, acidente vascular cerebral e outras doenças coronarianas precisam de atenção especial). Outros ponto frágil e a coluna, um dos focos de dores do signo. Por consequência a coluna também merece cuidados.

Leia mais : O infarto do novo século

Para o coração, vitaminas

Virgem
Getty Images
Virgem





Virgem
: É chamado pela astróloga Titi Vidal de signo hipocondríaco do zodíaco. Tem como característica a somatização de sintomas. Rege o intestino, o que exige atenção especial para a área, além da vesícula, a região abdominal e o colo. Prisão de ventre ou disenteria também são males frequentes.

Leia mais Faça o teste: Você é hipocondríaco

Vença a prisão de ventre comendo

Balde de água fria nas fibras

Libra
Getty Images
Libra





Libra:
Librianos regem rim e precisam ficar atentos às doenças renais e do aparelho urinário (cistite é um exemplo). Problemas vasculares e de pele também são mais recorrentes. Como costumam falhar na alimentação, precisam de cuidado para o diabetes, já que a doença metabólica é um dos pontos vulneráveis do signo.

Leia mais : Diabetes desvendado

Mulheres com diabetes descontrolado não devem tomar pílula

Ronco é indício de diabetes

escorpião
Getty Images
escorpião




Escorpião
: Rege a parte sexual, o que faz com que os problemas nos órgãos sexuais e reprodutores sejam mais vulneráveis. Hemorroidas também podem acontecer. Por ter como característica ser muito controlador, um dos pontos fracos é a prisão de ventre, além dos problemas com ciclos menstruais. A parte boa é que por ser um signo forte, tem poder de regeneração muito forte.

Leia mais : Cirurgia de hemorroida sem dor

Relógio biológico da fertilidade

Sagitário
Getty Images
Sagitário





Sagitário
: Coxas, fêmur, quadril e nádegas e são as áreas mais vulneráveis dos sagitarianos. O fígado também é ponto fraco, assim como as dores no nervo ciático e as cãimbras. Costumam sofrer com o excesso de alimentação e são mais suscetíveis ao colesterol alto e à obesidade

Leia mais : Níveis de colesterol flutuam com ciclo menstrual

Obesidade aumenta o risco de morte por qualquer causa

Obesas têm mais risco de infarto do que homens

Capricórnio
Getty Images
Capricórnio






Capricórnio
: Os ossos e esqueleto são áreas visadas dos capricornianos Problemas de articulação, postura, artrite, tendões, osteoporose também são mais suscetíveis. Joelhos e fragilidades nos dentes, unhas e pele são outras partes que merecem atenção

Leia mais : Mitos e verdades sobre a osteoporose

Para vencer o medo do dentista

Aquario
Getty Images
Aquario







Aquário
: O signo rege os tornozelos, tendões e calcanhares, áreas mais vulneráveis. Aquarianos também podem sofrer mais de oroblemas ligados aos aparelhos circulatórios (trombose, hipertensão), nervoso (espamos) e doenças no sangue. Como é um signo muito elétrico, pode ter palpitações. Alergia é outro ponto fraco.

Leia mais : Contra hipertensão, duas pitadas a menos de sal

Peixes
Getty Images
Peixes









Peixes
: Rege os pés e é propenso aos problemas ligados ao sistema linfático. Vulnerabilidade maior às intoxicações (alimentares e medicamentosas), além dos vícios. A alergia também é mais comum nos piscianos como também os problemas ligados ao sono. Reagem bem aos tratamentos alternativos como homeopatia e acupuntura

Leia mais : Em dois anos, acupuntura cresce 128% no SUS