Minha Saúde

enhanced by Google
 

Convulsão

Compartilhar:

Trata-se de um estímulo inadequado de várias partes do cérebro. Uma das principais causas de convulsão é a epilepsia, mas o problema pode acontecer por diversos outros fatores, entre eles, febre alta, diminuição da glicose no sangue, batidas fortes na cabeça, hemorragia, tumores e intoxicações.

A crise convulsiva é facilmente identificada pelos seguintes sintomas: espasmos musculares em todo o corpo, olhar perdido ou olhos virados e aumento da salivação. Durante a convulsão, a pessoa também pode urinar ou defecar involuntariamente, e permanecer se debatendo até a crise passar. É necessário chamar atendimento especializado.

Como agir:

- Se possível, evite que a vítima caia no chão
- Deite-a no chão, de lado, para evitar que se engasgue com saliva, vômito ou secreções
- Não jogue água fria no rosto da vítima
- Proteja a cabeça dela com um travesseiro, para evitar que se machuque
- Afrouxe um pouco as roupas da vítima para que ela respire melhor
- Limpe o excesso de salivação com um pano limpo
- Jamais coloque a mão dentro da boca da vítima para puxar a língua. Ela está sofrendo contrações musculares e certamente irá mordê-lo
- Após a convulsão, é normal que a vítima sinta sonolência e durma
- Em alguns casos a convulsão pode causar danos cerebrais se for recorrente, por isso deve ser tratada de imediato

Todas as emergências
Ver de novo