Tamanho do texto

Descubra o valor nutricional dos principais alimentos da ceia e veja quais devem ser consumidos com moderação

Dezembro está no fim e as festas de Natal e Ano Novo já estão chegando. É época de aproveitar, reunir família e amigos e caprichar na ceia. Além disso, alguns alimentos clássicos também são saudáveis e ajudam a manter a boa forma. Confira no infográfico quantas calorias irão para sua mesa neste final de ano e ainda veja a lista de benefícios de alimentos-chaves e como incluí-los em sua ceia (mas aposto que eles já fazem parte dela): 

Alimentos-chaves

A endocrinologista Giulianna Pansera, que comanda o blog G-RealFit, elaborou a relação de alimentos que você já até deve incluir na sua ceia e nem imagina como eles podem deixar seu jantar mais "power":

Leia também: Sucos que alimentam a ajudam a diminuir a 'gulodice' no momento da ceia de Natal

Emagreça a ceia de Natal e Ano Novo

Cerejas

Cerejas
Getty Images
Cerejas

As cerejas são ricas em antocianina que são uma classe especial de flavonóides que são responsáveis pela coloração da fruta e também pelos seus benefícios terapêuticos. Tem um enorme poder antioxidante, antiinflamatório, combatem o envelhecimento e doenças neurológicas. Além disso, a fruta também é uma excelente fonte de ferro, zinco e potássio, que regula a frequência cardíaca e a pressão arterial.

O mecanismo pelo qual a cereja é anti-inflamatória é devido a sua capacidade de bloquear a ação da ciclooxigenase 1. E a cereja também é rica em luteína, zeaxantina e beta-caroteno, e para quem não sabe a luteína é um poderoso antioxidante contra o fotoenvelhecimento cutâneo, pele mais jovem e mais bonita para os amantes de cereja!

Dicas de consumo: você pode comer a cereja in natura ou usá-la no preparo de tortas, bolos, sobremesas e geleias. Também acompanha queijos como brie e camembert.

Uvas Passas

Uvas passas
Thinkstock/Getty Images
Uvas passas

Figurinha carimbada nas mesas de Natal, principalmente devido ao panetone, muita gente sequer imagina os benefícios que essa fruta traz ao corpo. A começar pela energia: a uva passa tem grande presença de glicose e frutose, responsáveis por dar aquela forcinha extra na motivação física. O consumo frequente de uva passa também auxilia a manter o funcionamento regular do intestino e eliminar toxinas. Por ser rica em cálcio, a uva passa ainda auxilia na prevenção à osteoporose. Mas lembre-se a uva passa já tem é bastante doce naturalmente por ter o açúcar natural da fruta concentrado, por esse motivo evite consumir aquelas que ainda possuem acréscimo de açúcar !

Dicas de consumo: além do tradicional arroz com passas, você pode inserir a fruta em saladas, pães, bolos, pavês e farofa.


Peru e tender

Peru
Thinkstock/Getty Images
Peru

O peru figura entre os astros principais da mesa e com todos os méritos, afinal, além de delicioso, oferece um alto teor de proteína e baixíssimo teor de gordura e auxilia na melhora do sistema imunológico devido a presença de niacina, vitamina B6 e selênio. Potássio, fósforo, zinco e ferro também estão presentes na carne, que colabora, ainda,  no controle dos níveis de açúcar no sangue.

Já o tender, é uma carne de corte magro do porco. Seu consumo aumenta os níveis de ômega 3, 6 e 9, selênio, fósforo, potássio, ferro, magnésio e zinco no organismo, sendo este último responsável pelo fortalecimento da imunidade. Se comparado às carnes bovinas e de frango, o tender é o que possui menos colesterol.

Dicas de consumo: assado com temperos, triturado em patê, acompanhado de frutas cítricas ou desfiado em saladas.

Nozes

Nozes
Getty Images
Nozes

Alimento tradicional do Natal, é obtido a partir de um fruto e é considerado um super alimento, pois é pequena porém nutricionalmente densa, é rica em Ômega-3 e 6, vitaminas C e E e potássio. Suas propriedades auxiliam no controle da pressão arterial por ser rica em arginina que irá aumentar a produção de oxido nítrico e relaxar a musculatura das paredes arteriais, diminuem o colesterol ruim LDL prejudicial ao organismo e podem ajudar, até, na prevenção do câncer de mama mostram alguns estudos. Mas fique atenta: as nozes são bastante calóricas, por isso devem ser consumidas com moderação principalmente se você estiver encarando uma dieta. Não consuma mais do que 5 nozes por dia !

Dicas de consumo: podem ser usadas em saladas, em risotos e arroz, em sobremesas, bolos, pães e biscoitos.

Lentilha

Lentilha
Getty Images
Lentilha

Sempre lembrada na hora de atrair a prosperidade para o novo ano que se inicia, essa leguminosa é rica em vitaminas A, ferro, porteínas e cálcio, além de ser rica em fibras o que melhora o transito intestinal ereduz a absorção do colesterol presente nos alimentos. Fonte de ácido fólico e boa quantidade de ferro, a lentilha também é muito benéfica para as grávidas, já que esses nutrientes são imprescindíveis durante os primeiros meses para a boa formação do feto.  

Dicas de consumo: pode ser utilizada em saladas, cozidos, pratos recheados e sopas.

Leia mais notícias de alimentação e bem-estar

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.