Tamanho do texto

Pesquisa lista as informações erradas sobre obesidade que são disseminadas como verdades absolutas

O Departamento de Nutrição, Esporte e Exercício da Universidade de Copenhague (Dinamarca) resolveu pesquisar quais eram os melhores conselhos que os especialistas poderiam dar para quem decidiu perder peso. Na revisão da literatura científica, os pesquisadores encontraram o caminho inverso e definiram os principais mitos da obesidade.

Veja quais são os 5 principais mitos:

No material de divulgação da universidade de Copenhague foi divulgado que, para elencar quais eram as informações já comprovadas sobre o emagrecimento, a equipe de Arne Astrup vasculhou desde estudos científicos consolidados até informações sobre obesidade publicadas em redes sociais e programas de dieta feitos por empresas.

Leia mais : Gordinhas saudáveis desafiam reinado do IMC

Nos “mitos” estão informações já comprovadamente erradas como também aquelas que ainda não estão comprovadas cientificamente, como é o caso da amamentação como protetora da obesidade. Os achados foram publicados no jornal científico New England Journal of Medicine.

Alerta : 40 dicas certeiras para emagrecer

O jornal New York Times repercutiu as conclusões da equipe de Astrup. Ao mesmo tempo que os especialistas comemoram o empenho para desvendar os mecanismos do emagrecimento – uma das áreas que mais concentra mitos – alguns pesquisadores ponderaram que os autores da nova pesquisa têm conflitos de interesses, já que são vinculados à empresas produtoras de bebidas e shakes usados para emagrecer.

Saiba como emagrecer as compras do supermercado

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.