Tamanho do texto

Saiba o que é a cromoterapia, técnica complementar no tratamento de diversas doenças

Depois dos arquitetos e decoradores adotarem as cores como ferramentas para garantir a harmonia e o equilíbrio de casas e escritórios, a medicina também abriu as portas para a chamada cromoterapia no auxílio do tratamento dos pacientes.

Um dos maiores hospitais da capital paulista, o Complexo do Mandaqui, na zona norte de São Paulo, utiliza a terapia das cores como procedimento complementar no tratamento de diabéticos e de portadores de câncer e outras doenças tratadas na unidade.

Leia mais sobre saúde alternativa

Na área da saúde, as cores são utilizadas para neutralizar emoções, prevenir estresses e auxiliar na recuperação do organismo, explica a cromoterapeuta Ondina Balzano, que atua no Rio de Janeiro e é autora de três livros sobre a técnica.

Veja os efeitos das cores na saúde


Segundo Ondina, a cromoterapia é uma técnica milenar, que nasceu no Egito e tem como base o uso da energia das cores para a promoção do bem-estar. Para aplicar a técnica, ela elaborou um aparelho que emana luzes coloridas nos pacientes.

“Sabemos que certas cores têm a função excitante, como o vermelho e o laranja, enquanto que outras são calmantes, como o azul e o verde”, explica.

“Algumas cores são adstringentes, como o amarelo e outras são dilatadoras. Cada cor tem uma ou mais atuações específicas no organismo humano”, define.

Leia mais : a profissionalização do bem-estar

De acordo com a demanda de cada paciente, é indicado uma cor para o tratamento com a aplicação das luzes coloridas. Além disso, a coloração dos alimentos também está ligada com a oferta de nutrientes e vitaminas.

Continue lendo : veja o efeito terapêutico das cores nos alimentos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.