Tamanho do texto

Índice de mortalidade foi superior entre pacientes anoréxicos em torno dos 20 anos, segundo estudo

Transtornos alimentares predispõe à morte
Getty Images
Transtornos alimentares predispõe à morte
Pesquisadores ingleses analisaram 36 estudos, publicados entre janeiro de 2006 e setembro de 2010, sobre a anorexia nervosa , a bulimia e outros transtornos alimentares não especificados.

Os anoréxicos acreditam erroneamente que estão gordos e se negam a comer. Os bulímicos comem em excesso e, em seguida, forçam a eliminação do alimento através do vômito ou do uso de laxantes.

O estudo incluiu 17.272 pacientes, registrando um total de 755 mortes. A meta-análise revelou que para cada 1.000 pessoas-anos, um total de 5.1 mortes ocorreu entre os anoréxicos (1.3 delas por suicídio), 1.7 mortes entre os bulímicos e 3.3 entre os participantes que sofriam de outros transtornos alimentares. Uma meta-análise é uma compilação de vários estudos sobre o mesmo tema para a verificação de resultados através da análise de dados estatísticos.

Conheça os principais tratamentos de distpurbios alimentares na Enciclopédia da Saúde

A taxa de mortalidade padrão (número de mortes reais comparado ao número de mortes esperadas) foi de 5.86 por anorexia , 1.93 por bulimia e 1.92 por outros transtornos alimentares.

Os anoréxicos em torno dos 20 anos de idade apresentaram índice de mortalidade superior ao dos mais jovens ou na faixa dos 30 anos, informou a equipe comandada por Jon Arcelus, do Leicester General Hospital.

O estudo foi publicado na edição de julho do periódico Archives of General Psychiatry.

Mesmo observando que algumas das mortes poderiam ser atribuídas a outras causas, os autores do estudo disseram que o índice de mortalidade por transtornos alimentares, principalmente a anorexia, é mais alto do que por esquizofrenia e depressão.

Os autores ressaltam que pesquisas adicionais serão necessárias para identificar os fatores que elevam o risco de morte em portadores de transtornos alimentares.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.