Tamanho do texto

O repórter Reinaldo Glioche conta como foi iniciar jornada de exercícios com alongamento e abdominais, passar por pilates, musculação e spinning e terminá-la com outra aula de bike

“Quem faz pilates em um navio faz em qualquer lugar”, confortou seus marinheiros de primeira viagem a professora Ana Carolina. Eram 15h e eu avançava pouco mais da metade de uma tarefa autoimposta. Talvez a mais incomum de toda a minha vida: sobreviver a um dia de intensa malhação e atividade física a bordo de um cruzeiro fitness.

Em sua quinta edição, o Cruzeiro Royal Life alinhou uma agenda bastante diversificada e robusta de exercícios das mais variadas procedências. Tinha zumba, ioga, ballet fitness, hidroginástica, e tantos outros. Havia, também, outras formas de se praticar atividade física e a ideia era experimentar de tudo um pouco.

Alongamento, abdominal, pilates, musculação e spinning foram as modalidades escolhidas pelo repórter para um dia de malhação intensa
Reinaldo Glioche/iG
Alongamento, abdominal, pilates, musculação e spinning foram as modalidades escolhidas pelo repórter para um dia de malhação intensa


“Você já fez minha aula hoje”, exclamou Vitor, o professor carioca boa praça de spinning, ou de acordo com a programação de bolso do Cruzeiro, bike class. Eram 18h30 e eu estava me apresentando para minha segunda aula do dia de bike class, a quarta da modalidade naquela segunda-feira.

Mas meu dia de malhação começou antes do café da manhã. Alongamento às 7h. Nada mais indicado para escancarar sua falta de flexibilidade na vida do que uma aula de alongamento bem cedo. Às 7h30, abdominais. O dia seria longo. Após o café, pilates. Seria a primeira aula de pilates da minha vida. Estava receoso de que fosse o único homem.

Mas os tempos são outros e comprovaram que meu receio era tolo. Lá estava o Ernesto, que a professora Ana Carolina congratulou por estar fazendo aula com ela desde a quarta edição do Royal Life. Seria Ernesto o primeiro “rato de academia de navio”? O pilates, ou Mat Pilates como descrito na programação, foi mais tranquilo do que eu imaginava. Ainda que eu tenha saído da aula sem conseguir colocar o umbigo nas costas.

Leia também:
Kangoo Jumps promete alta queima calórica e combate à celulite
Já pensou em fazer balé e malhar ao mesmo tempo?

Subi cinco decks, de escada, para preservar o espírito dessa rotina fitness e fazer a aula de bike. Cheguei cinco minutos atrasado. Tive vontade de sair cinco, dez minutos antes. O sol estava forte, o ritmo do professor Vitor era insano. Ele esquecera que ali estavam, em sua maioria, iniciantes? Bem, eu não era iniciante, mas certamente me sentia como tal. Temi pela matéria que precisava escrever. Ainda era manhã e eu já parecia ceder mentalmente ao cansaço físico.

A aula acabou. 45 minutos pedalando. Ainda sentia meus pés. Pensei em fazer um intervalo, minha camiseta estava ensopada, mas me deparei com uma mesa de ping-pong. Senti-me revigorado como um menino no playground. Fiquei ali jogando ping-pong, e ganhando mais partidas do que perdendo, por pouco mais de duas horas. Senti que estava finalmente vencendo aquele desafio.

Professor anima e estimula os alunos em aula de spinning dentro do cruzeiro fitness
Reinaldo Glioche/iG
Professor anima e estimula os alunos em aula de spinning dentro do cruzeiro fitness

Famoso a bordo

Com uma nova camiseta, reiniciei a rotina de exercícios com a segunda sessão de pilates do dia. Eu era o único reincidente da aula da manhã. Havia menos homens. A professora repetiu piadas, mas passou alguns movimentos e posições diferentes. Quem diria que pilates seria a aula que eu mais gostaria de fazer naquele dia?

Depois do pilates, assisti a uma palestra de alta performance emocional. O nome era sugestivo e parecia preencher bem os propósitos daquele dia tão incomum em minha vida. Sai da palestra e fui direto para a academia.

Os equipamentos aeróbios ficavam de frente para o mar. É um jeito todo particular e relaxante de se caminhar na esteira. Ou se aventurar no elíptico, que foi o que eu fiz. Por uma hora. Depois, musculação. Exercícios para os bíceps e tríceps. Depois da musculação, mais abdominais.

A tarde já cedia espaço para a noite e decidi que a saideira seria uma segunda rodada de bike class, a última aula prevista na programação daquele dia. Foram mais 45 minutos pedalando com todas as minhas forças. Houve momentos em que pensei que desmaiaria. Estava menos quente e a aula mais vazia.  Mas o acumulado do dia já se fazia sentir com força.

Percebi que tinha algumas mulheres que também estiveram no pilates e também fizeram elíptico. Mas eu era o único, desde as 7h, a enveredar uma cruzada de atividades físicas. Fiquei até um pouco famoso por isso a bordo do navio. A malhação continuaria nos outros dias. Mas aquela segunda-feira já tinha se tornado especial.

*O jornalista viajou a convite da Royal Caribbean

>> MAIS: Kangoo Jumps promete alta queima calórica e combate à celulite


Veja ainda:
19 alimentos para acelerar a queima de calorias
Qual o melhor horário do dia para se exercitar?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.