Do futebol ao skate, conheça as vantagens das 10 modalidades esportivas mais praticadas no Brasil

Confira as vantagens da prática da natação
Getty Images
Confira as vantagens da prática da natação
Mais de 30 milhões de brasileiros praticam algum tipo de esporte como uma maneira de entrar em forma ou de fazer algum exercício, segundo o último levantamento do Atlas do Esporte. O Delas conversou com especialistas e listou as vantagens de cada prática e as precauções que devem ser observadas.

Futebol

* Vantagens: a primeira mudança é a melhoria na capacidade cardiovascular e no condicionamento físico, já que este esporte exige da pessoa correr por um tempo considerável – 90 minutos divididos em duas partes. Além disso, promove uma melhoria no equilíbrio e também na agilidade.

* Precauções: alongamento e aquecimento são essenciais, principalmente para pernas. Quem gosta de jogar futebol deve fazê-lo pelo menos duas vezes por semana e manter uma rotina de treinos. Eles podem ser mais leves, em dias intercalados, para evitar esforços muito grandes em um único dia, o que pode sobrecarregar o coração.

* Músculos mais utilizados: principalmente os dos membros inferiores, como panturrilha e coxa.

* Conselho dos especialistas: fazer um treino paralelo de musculação para fortalecer membros inferiores a fim de evitar lesões e melhorar o desempenho. “Em 2003, o número de lesões era de 120 por ano. Após inserirmos musculação e alongamento, esse número caiu para 15”, relata Ricardo Galotti, ortopedista e médico do esporte do Corinthians, em São Paulo.

Vôlei

* Vantagens: a melhora do condicionamento físico e também da coordenação motora são os dois primeiros benefícios notados quando se passa a praticar esse esporte. Além deles, o vôlei trabalha a agilidade e o senso de equipe.

* Precauções: é importante fazer alongamento antes do início do jogo e depois, para aliviar a tensão dos músculos muito solicitados.

* Músculos mais utilizados: é um esporte bem completo, já que exige dos membros inferiores como coxa e panturrilha, para impulsão, e também de costas, braços e até abdome.

* Conselho dos especialistas: proteja-se contra as quedas, já que o jogo exige que você se exponha para pegar as bolas. O uso de joelheiras, por exemplo, é fortemente indicado, assim como proteções para o punho.

Tênis de Mesa

* Vantagens: é um esporte que proporciona fornecimento rápido de energia ao atleta, capacitando-o a desenvolver velocidade e potência em seus movimentos e golpes. O esporte exige coordenação, agilidade, velocidade, resistência cardiorrespiratória, força e potência muscular local.

* Precauções: toda atividade física necessita como base uma boa alimentação, boa hidratação e uma boa resistência física, adquirida por meio de um programa de condicionamento físico, que consiste basicamente em um trabalho aeróbico mesclado com o fortalecimento dos principais grupos musculares envolvidos.

* Músculos mais utilizados: os extensores e flexores da perna, músculos do tronco, principalmente da região lombar e torácica devido aos movimentos de rotação de tronco e dos membros superiores, além de braços e mãos.

* Conselhos dos especialistas: para alcançar um nível considerado ideal é necessário alta carga de treinamento, incluindo treinos de força, resistência, agilidade e técnico- táticos, os quais, realizados de maneira incorreta e/ou excessiva, conduzem a lesões por sobrecarga, além das inerentes à própria prática esportiva.

Natação

* Vantagens: melhora o sistema cardiovascular, mas principalmente o sistema respiratório. Como é realizada na água, não há impacto nas articulações, o que a torna ideal para quem tem problemas nessas regiões.

* Precauções: aquecimento e alongamento são essenciais, mesmo sendo um esporte com pouco risco de lesão. Não entre na piscina de barriga vazia, o ideal é consumir algum alimento leve, como uma fruta ou uma xícara de cereais meia hora antes.

* Músculos mis utilizados: depende do estilo praticado, mas em geral exige-se de todos os grupos musculares, tanto pernas, coxas e pés, quanto costas e braços.

* Conselho do especialista: peça orientação ao professor não somente sobre como realizar o exercício de forma correta e eficiente, mas também qual o estilo mais indicado a você. Pessoas com problemas na coluna, por exemplo, devem evitar o nado borboleta.

Futsal

* Vantagens: melhora na capacidade cardiovascular e no condicionamento físico em geral. Promove também uma melhoria no equilíbrio, na agilidade e na percepção espacial, já que o tamanho é reduzido quando comparado a um campo de futebol.

* Precauções: é preciso tomar cuidado com lesões principalmente nos membros inferiores, como no joelho e nos tornozelos. Além disso, aquecimento e alongamento são essenciais.

* Músculos mis utilizados: músculos inferiores como coxa e panturrilha.

* Conselho do especialista: um calçado adequado evita lesões e ajuda a melhorar o rendimento do esportista. Por isso, não vale economizar nesse quesito.

Capoeira

* Vantagens: melhora a capacidade cardiovascular, o condicionamento físico e as condições musculares, já que exige muita força durante a prática. Também promove a coordenação motora, a elasticidade e o equilíbrio.
* Precauções: deve-se tomar cuidado com possíveis lesões, já que exige movimentos de força e elasticidade ao mesmo tempo. Alongamento são necessários antes do treino.

* Músculos mais utilizados: é um esporte bem completo, pois exige força de todos os músculos do corpo.

* Conselho do especialista: escolha um professor adequado, já que ele será o responsável pela evolução da atividade e por evitar uma possível lesão.

Skate

* Vantagens: a primeira é inerente à prática de esportes – a capacitação aeróbica. A segunda vantagem está mais ligada à mente do que ao físico: é o raciocínio rápido. A prática desse esporte exige que o skatista tome decisões em segundos, a fim de realizar manobras mais perfeitas de acordo com o impulso e as condições de cada participação.

* Precauções: Fazer um bom treinamento de flexibilidade e alongamento, necessários não somente para a prática do esporte mas também para evitar lesões. Alimentação correta antes do treino é essencial assim como o aquecimento.

* Músculos mais utilizados: é um esporte bem completo, quem pratica utiliza tanto os músculo inferiores, como coxa, panturrilha e quadril, quanto os superiores como braços e tronco.

* Conselhos dos especialistas: é importante ter noção de sua capacidade técnica e ir galgando os níveis de dificuldade de cada manobra aos poucos. Só depois de realizar corretamente o mais fundamental a pessoa deve tentar manobras mais difíceis.

Surfe reúne lazer e exercício físico
Getty Images
Surfe reúne lazer e exercício físico
Surfe

* Vantagens: é um exercício considerado de baixo impacto, já que é realizado na água. Melhora a capacidade cardiovascular, o condicionamento físico, assim como o equilíbrio e a agilidade.

* Precauções: o alongamento é fundamental para surfistas de qualquer idade, iniciantes ou veteranos, porque ajuda o corpo a ter a elasticidade que necessária para executar as manobras corretamente, além de prevenir lesões.

* Músculos mais utilizados: trabalha mais membros superiores como braços, costas, ombros e peito, por conta da força necessária na hora de remar e também na hora de se colocar em pé na prancha.

* Conselho dos especialistas: o surfe é um esporte que exige hábitos saudáveis. O desempenho do surfista fica melhor quando acompanhado de uma alimentação mais natural. Exige uma prática constante. Não adianta surfar seis meses todos os dias e parar seis meses, já que é preciso trabalhar o equilíbrio constantemente.

Judô

* Vantagens: melhora o condicionamento físico como um todo. É um esporte com ação psicomotora muito ampla e auxilia no desenvolvimento do córtex cerebral, quando iniciado desde cedo. A gama de movimentos diferentes contribui ara uma melhor percepção espacial, já que além de se movimentar em um amplo espaço existem ações contra o seu corpo acontecendo simultaneamente.

* Precauções: por conta do aspecto contundente desse esporte, o praticante deve fazer um treino complementar de musculação duas vezes por semana. Além disso, deve se preocupar com a alimentação e a hidratação, tendo em vista que o praticante pode perder até um quilo por treino.

* Músculos mais utilizados: todos os músculos do corpo. Durante a luta, nada descansa, é um esporte que exige potência muscular grande.

* Conselho dos especialistas: procurar sempre uma academia tradicional e ligada à cultura japonesa e perguntar sobre a formação do professor. “Tem muito professor sem condições atuando”, afirma Marcus Albuquerque, preparador físico da seleção brasileira de judô.

Atletismo

* Vantagens: proporciona um bom condicionamento cardiovascular e condicionamento físico, além da substituição de gordura por massa magra e da diminuição do colesterol. Também melhora a vascularização em todo o corpo e fortalece a capacidade pulmonar.

* Precauções: além dos cuidados com as articulações e da utilização de um tênis adequado à prática, é importante realizar exercícios chamados educativos, que servem para gerar musculatura apta a agüentar a corrida. Hidratação é outro ponto essencial, antes, durante e depois da corrida.

* Músculos mais utilizados: músculos inferiores, mas também utiliza braços e abdome, o primeiro faz parte do movimento da corrida e o segundo serve para manter a postura.

* Conselho dos especialistas: mesmo sabendo que o assunto é controverso, vale a pena apostar no alongamento. Não como forma de aquecimento, mas sim como prevenção a lesões e adequação da musculatura.

Fontes consultadas: Confederação Brasileira de Skate; Marcus Albuquerque, preparador físico da seleção brasileira de judô; Luís Gustavo Amorim, fisioterapeuta da seleção brasileira de Tênis de Mesa; Rodrigo Iglesias, especialista em traumatologia no esporte e fisioterapeuta da equipe BM&F Bovespa de atletismo; Mestre Virgilio, presidente da Associação Brasileira de Capoeira de Angola; Ricardo Galotti, médico do Departamento de Futebol do Corinthians; Confederação Brasileira de Natação; Confederação Brasileira de Futebol de Salão; Rico de Souza, pioneiro do surf no Brasil; Confederação Brasileira de Voleibol

Leia também:
Descanso é essencial para evitar lesões
Cuidados ao optar pelos exercícios ao ar livre
Exercícios: é fácil começar

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.