Tamanho do texto

Portador do transtorno bipolar, ele criou menus que ajudam a combater a depressão, a ansiedade e o estresse

selo

Chef bipolar cria receitas para melhorar o humor
BBC
Chef bipolar cria receitas para melhorar o humor
Um jardim no norte da capital filipina, Manila, abriga um restaurante com um nome excêntrico e um conceito curioso. O pequeno "Van Gogh é Bipolar" é uma homenagem ao célebre pintor holandês que divide com o chef, Jetro Rafael, a batalha contra os altos e baixos emocionais.

Para o chef filipino, alguns tipos de comida podem trazer mais felicidade às pessoas, e tudo que consta em seu menu foi criado com este objetivo.

Veja também : 10 alimentos contra o mau-humor

Ingredientes como salmão, mel, peru e repolho – todos que, supostamente, teriam as propriedades da felicidade - foram incorporados aos pratos para criar o que Rafael batizou de "dieta bipolar".

Enciclopédia : Tudo sobre o transtorno bipolar

Rafael não esconde a motivação pessoal por trás da ideia que o levou a criar o restaurante, após anos de luta contra a depressão e alterações de humor.

Saiba quais são os sintomas da depressão

"Comecei a pesquisar em livros sobre maneiras de gerenciar meu problema, e descobri as propriedades de diferentes alimentos. Agora quero divulgar este conhecimento", disse.

Mas o restaurante não se concentra apenas nos depressivos ou bipolares.

Os pratos também podem ser fonte de tranquilidade e alegria para quem teve um dia estressante no trabalho, brigou com a mulher ou o marido, ficou preso no trânsito de Manila ou simplesmente está se sentindo um pouco triste.

Getty Images
Especialistas explicam como o estresse influencia no ganho de peso
"Vejo pessoas que vêm aqui cansados e estressados, e quando vão embora, a diferença é visível. A dieta que eu sirvo foi pensada para ativar neurotransmissores específicos no cérebro responsáveis pelas nossas emoções, como a felicidade e a tranquilidade", indica Rafael.

'Lágrimas de Virginia Wolf'

O ambiente do restaurante também convida a relaxar. Os clientes são encorajados a fazerem seu próprio chá de ervas enquanto olham o cardápio e podem usar chapéus da coleção do chef Jetro Rafael.

Um Guia de Plantas Medicinais

No cardápio, Van Gogh não é o único nome famoso a aparecer. A maioria dos pratos tem nome de pessoas conhecidas por serem temperamentais, como a escritora Agatha Christie, a atriz Marilyn Monroe e o estadista Winston Churchill.

A "Poção de Courtney Love" - cantora e viúva do músico Kurt Cobain - é recomendada para reduzir a ansiedade e combina frutas, menta e mel. Já o prato "Lágrimas de Virginia Woolf", destinado a evitar a depressão, é uma sopa de peru com repolho e maçãs verdes.

Faça o teste e avalie qual é o seu grau de ansiedade

Evidências científicas

Mas pode-se ter provas científicas que sustentem as crenças do "chef da felicidade"?

Especialistas em nutrição vêm afirmando que há crescentes evidências de que os argumentos do dono do restaurante filipino estejam corretos.

Chocolate tem propriedades que ajudam na sensação de bem-estar
Getty Images
Chocolate tem propriedades que ajudam na sensação de bem-estar
Embora esta ainda seja uma área que precisa de mais pesquisa, já há provas de que os alimentos têm a capacidade de influenciar o humor e as emoções do ser humano.

Para Sandrine Thuret, do Instituto de Psiquiatria da Kings’s College, de Londres, acredita-se que o Ômega-3 contido nos peixes mais gordurosos e e os flavonoides contidos em alimentos como mirtilo, framboesa e chocolate meio amargo podem, de fato, melhorar o humor.

Ela acredita que uma dieta baseada em nutrientes dessas categorias possa até mesmo funcionar de forma similar a medicamentos antidepressivos.

"O Prozac funciona aumentando a neurogênese (criação de neurônios) no hipocampo no cérebro. Então pode ser que alguns alimentos também aumentem o número de novos neurônios", diz ela.

Um especial sobre matérias que desvendam o cérebro

Jetro Rafael, que talvez seja o primeiro chef a organizar o cardápio completo de um restaurante ao conceito, certamente não é o primeiro a relacionar comida com humor.

"Heston Blumenthal veio uma vez ao nosso laboratório", disse Thuret, se referindo a um famoso chef britânico conhecido pelos experimentos com a comida."Ele queria saber o que era bom para reduzir o stress e melhorar a memória."

Ela afirma que, até certo ponto, o peru, as bananas e as nozes que Rafael serve conseguem provavelmente fazer com que as pessoas se sintam menos estressadas, pelo menos a curto prazo.

Estes alimentos contem triptofano, que é convertido, dentro do corpo, em serotonina - um neurotransmissor que ajuda a regular o humor.

No entanto, Thuret duvida que apenas algumas refeições no Van Gogh é Bipolar fazem uma diferença permanente.

"Isso é mais como um investimento a longo prazo e, de um modo geral, ter uma dieta saudável e balanceada é o que mais fará com que você seja resistente ao estresse", diz.

Siga lendo

A gordura do coco, além de não fazer mal ao coração, ela pode substituir a manteiga. Acelera o metabolismo e facilita a digestão
Getty Images
A gordura do coco, além de não fazer mal ao coração, ela pode substituir a manteiga. Acelera o metabolismo e facilita a digestão

14 alimentos que ajudam a perder a barriga

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.