Bem-Estar

enhanced by Google
 

Expectativa de vida aumenta com 15 minutos diários de exercícios

Uma a cada seis mortes poderia ser evitada com um mínimo de atividade física, diz estudo realizado em Taiwan com 400 mil pessoas

EFE | 15/08/2011 21:25

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Foto: Getty Images Ampliar

Calce o tênis, pratique uma atividade física e ganhe vitalidade

Quinze minutos diários de atividade física reduzem o risco de morte em 14% e aumentam a expectativa de vida em três anos, segundo um estudo realizado em Taiwan.

Conheça o programa de exercícios do iG Saúde e comece já!

A pesquisa, publicada nesta segunda-feira (15) na internet pela revista "The Lancet", contou com mais de 400 mil participantes que foram acompanhados durante uma média de oito anos, entre 1996 e 2008.

Sua finalidade era averiguar se a duração dos exercícios menor que os 150 minutos semanais recomendados ainda poderia ser benéfica para a saúde.

Faça o teste: Qual a atividade física ideal para você?

Se os indivíduos sedentários praticassem um pouco de atividade física diariamente "diminuiria uma de cada seis mortes", foi a conclusão de seus autores, liderados pelos médicos Chi-Pang Wen, do Instituto Nacional de Pesquisa da Saúde de Taiwan, e Jackson Pui Man Wai, da Universidade Nacional do Esporte de Taiwan.

Guia de Exames: conheça o eletrocardiograma, importante para a saúde do coração

Os pesquisadores dividiram os participantes em cinco categorias segundo ao nível de exercícios praticados: inativos ou de atividade baixa, média, alta ou muito alta. Comparados com os inativos, os pertencentes ao grupo de baixa atividade, que se exercitavam uma média de 92 minutos por semana - 15 minutos diários - apresentaram um risco de mortalidade por qualquer causa 14% menor, um risco de mortalidade por câncer 10% menor e em média uma expectativa de vida de três anos mais, segundo o estudo.

Leia também: 8 maneiras de introduzir exercícios no seu cotidiano

E a cada 15 minutos diários adicionais de exercício o risco de morte foi reduzido em 4% e o de morrer de um câncer em 1%, independentemente da idade, do sexo ou de quem tivesse problemas cardiovasculares.

Siga o iG Saúde no Twitter

"Saber que apenas 15 minutos diários de exercício pode reduzir substancialmente o risco de um indivíduo de morrer pode motivar mais pessoas a praticar uma pequena quantidade de atividade física em suas vidas", assinalaram em um comentário adjunto os médicos canadenses Anil Nigam e Martin Juneau, do Instituto do Coração de Montreal e da Universidade de Montreal.

Siga lendo sobre exercícios:
Mesmo pouco exercício ajuda o coração, diz estudo
Abandone o sedentarismo e adote um exercício
Exercícios contra a depressão
As vantagens de cada esporte

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG

Ver de novo