Tamanho do texto

Quatro pesquisas dão pistas sobre como trocar gorduras por músculos mais rapidamente

Quatro pesquisas indicam o caminho para transformar gordura em músculo
Getty Images
Quatro pesquisas indicam o caminho para transformar gordura em músculo
Tomar leite desnatado com chocolate logo após os exercícios

E se os médicos garantissem que tomar um copo de leite desnatado com chocolate depois dos exercícios físicos pode ajudar a queimar calorias? Parece desculpa de quem quer furar a dieta, mas não é. Dois estudos divulgados pela American College of Sports Medicine concluíram que a mistura pode ser uma ótima pedida para o período pós-exercício. Em uma primeira pesquisa, foi descoberto que o leite com chocolate contribuiu para a síntese de proteína muscular e esquelética depois da corrida.

Oito corredoras em boa forma completaram duas corridas (45 minutos cada) em duas semanas de dieta balanceada. Depois de cada corrida, as participantes bebiam um copo de leite com chocolate ou uma bebida rica em carboidratos, as duas com quantidades calóricas semelhantes. Amostras colhidas durante as três horas de recuperação dos músculos mostraram que aquelas que beberam o leite tinham mais marcas de proteína reparadora muscular do que as demais.

O segundo estudo demonstrou que o leite desnatado com chocolate contribui para restituir as provisões de glicogênio nos músculos, uma fonte de combustível durante o exercício prolongado. Os níveis dessa substância foram testados 30 e 60 minutos depois da ingestão das duas bebidas. A quantidade de glicogênio muscular era melhor para as bebedoras de leite em todos os momentos.

Carboidrato na boca, força nos músculos

Pesquisadores da Universidade de Auckland , na Nova Zelândia, provaram pela primeira vez que a simples presença do carboidrato na boca pode aumentar imediatamente a força muscular, antes mesmo dele ser engolido. Os resultados sugerem que uma série de reações químicas neurais antes desconhecidas são ativadas quando os receptores da boca detectam o carboidrato, estimulando partes do cérebro que controla as atividades musculares, produzindo e aumentando a força.

“Parece ter uma série de reações químicas no cérebro que diz aos nossos músculos que a energia está a caminho”, diz o coordenador da pesquisa, Nicholas Gant, do departamento de Ciência do Esporte e do Exercício. “O tamanho do efeito não está relacionado à quantidade de glicose no sangue ou ao cansaço.”

No primeiro experimento, 16 mulheres saudáveis tomaram uma solução de carboidratos enquanto faziam exercícios. A força do músculo foi medida antes e imediatamente depois, assim como a atividade cerebral.

Um segundo após engolir a bebida, as atividades neurológicas aumentaram 30% e a força muscular 2%. O efeito durou em média três minutos. E como esperado, 10 minutos depois, quando o carboidrato caiu na corrente sanguínea, houve um segundo aumento de força

Leite, leite, leite

Dois copos de leite desnatado ao dia são o suficiente para fazer uma mulher perder mais peso e ganhar um corpo mais definido. Esse é o resultado de um estudo da Universidade de McMaster , do Canadá, que reforça a pesquisa realizada pelo American College of Sports Medicine. Como exercícios de força não são os preferidos das mulheres,

O estudo demonstrou que a ingestão de leite aumentou a massa muscular e a perda de gordura. “Nós esperávamos que o ganho de massa fosse maior, mas a quantidade de gordura perdida nos surpreendeu”, afirmou Stu Phillips, professor da universidade e coordenador do estudo. Agora os cientistas estudam se a combinação de proteína de alta-qualidade, cálcio e vitamina D é a responsável pelo resultado.

Caminhada antes de encarar a feijoada

Quanto maior a quantidade de lipídios no corpo, maior a propensão a criar tecido adiposo, os famosos pneuzinhos. Para diminuir a quantidade de lipídios, cientistas descobriram que exercitar-se até um dia antes de cair de boca naquela feijoada pode fazer com que o nível dessa substância no sangue seja até 30% menor .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.