Rede Six Senses abre spa luxuoso e ecologicamente correto no coração da Cidade das Luzes

Natureza: jardim vertical surpreende já na entrada
Divulgação
Natureza: jardim vertical surpreende já na entrada
O primeiro spa urbano do grupo Six Senses – para quem ainda não conhece, trata-se de uma rede de spas e resorts de luxo com unidades em lugares paradisíacos como Maldivas, Tailândia e Omã, entre outros – acaba de abrir suas portas na capital da França.
Apesar da localização luxuosa, a poucos passos do hotel Le Meurice , de famosas joalherias e do Ritz , na Place Vendôme, o recém inaugurado spa tem design e tratamentos focados no respeito ao ambiente: não é oferecido nenhum tipo de tratamento de imersão em água que cause desperdício, as janelas foram posicionadas da melhor forma para aproveitar a luz do dia e toda a decoração foi desenvolvida com materiais naturais como o carvalho claro e papel – usados para construir as salas de tratamento que lembram o formato de casulos. Para reforçar a idéia de refúgio urbano na cidade, um surpreendente jardim vertical foi instalado na parede de entrada pelo badalado botânico francês Patrick Blanc .

Inspiração ecológica: salas imitam casulos
Divulgação
Inspiração ecológica: salas imitam casulos
Tratamentos

O Six Senses de Paris leva o conceito de ecologicamente correto a sério. Todos os produtos utilizados são naturais. Até os chinelos e lenços distribuídos a cada cliente são feitos de uma fibra vegetal biodegradável, desenvolvida a partir da madeira de eucalipto. Desta forma, evita-se o consumo exagerado de energia, água e produtos químicos. Os tratamentos do spa são divididos em três categorias: regeneração, bem-estar e essenciais.

A primeira categoria é composta por massagens faciais e esfoliações corporais. Nela, dois outros cuidados chamam a atenção: o "Enveloppement aux Algues" consiste em envolver todo o corpo com algas que prometem desintoxicar e amaciar a pele. O segundo tratamento regenerativo que merece destaque é o "Soin Visage au Miel des Toits de Paris", que hidrata e renova a pele do rosto com um mel especial, colhido, acredite, nas colmeias dos telhados da Ópera de Paris.

Na categoria bem-estar são oferecidas massagens indianas, tailandesas, de pressão nos pés, de descanso profundo e até tratamentos holísticos, cujo objetivo é cuidar de corpo, mente e espírito como um todo. Já a lista de essenciais, é formada por tratamentos mais básicos, como manicure, pedicure e depilação.

Luxo: tratamento mais barato custa 40 euros
Divulgação
Luxo: tratamento mais barato custa 40 euros
Preços

Para quem ficou encantado, é bom informar que o cuidado mais barato do spa é a massagem rejuvenecedora nas mãos, que custa a bagatela de 40 euros e dura 20 minutos. O dia orgânico e de desintoxicação é o tratamento mais longo e mais caro: sai por 240 euros e leva mais de 2 horas. Além disso, o Six Senses oferece a possibilidade de personalização de tratamentos, ideal para quem está de férias na cidade. São pacotes de mais de três horas e preço a combinar. Por enquanto, nenhum famoso apareceu por lá, mas o destino parisiense tem tudo para se tornar um point de celebridades, afinal, a luxuosa rede hoteleira já é queridinha de muitas delas. No último réveillon, um dos resorts do grupo foi o escolhido de Madonna, Steven Meisel, Gwyneth Paltrow e Chris Martin.

Veja mais noticias de Paris no Bombom .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.