Tamanho do texto

As características da dengue hemorrágica ¿ em geral ela acontece quando a pessoa é infectada por um segundo tipo de vírus da dengue após ter a versão clássica da doença ¿ podem fazer com que ela se torne cada vez mais comum.

O Brasil tem 23 anos de transmissão sustentada de dengue, em que a população teve diferentes graus de exposição a diferentes sorologias, e isso é um fator de risco importante, diz Giovanini Coelho, coordenador do Programa Nacional de Controle da Dengue.

O médico infectologista e diretor-técnico da Divisão de Moléstias Infecciosas e Parasitárias do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo (USP), Evaldo Stanislau Affonso de Araújo, concorda: É possível que nós passemos a ter dengue sempre grave. A dengue veio pra ficar, e eu temo que tenha vindo para ficar na forma grave. Vamos começar a vivenciar isso como rotina.

Hospital notifica 63 casos de dengue hemorrágica em um mês e meio

Diferentemente do que o nome indica, a febre hemorrágica de dengue não está necessariamente associada a uma hemorragia visível, ou seja, não significa que o paciente deve esperar algum sangramento para reconhecer os sintomas.

A hemorragia muitas vezes não ocorre, ou ocorre muito tardiamente. O termo dengue hemorrágica induz a erro, e a OMS vem sugerindo a mudança de terminologia para dengue clássica e dengue grave.

Essa mudança técnica, embora obviamente não afete a transmissão, pode contribuir para aumentar o número de registros dessa variação da doença. Eventualmente, quando não se consegue atender a todos os critérios da OMS, fica classificado como dengue com complicação, que é aquele caso grave e que não atendeu os critérios.

Quando se consideram os dados nacionais, no entanto, o registro de casos graves de dengue caiu significativamente em 2010 em relação ao ano passado. Até fevereiro, o Ministério da Saúde confirma 134 casos de dengue com complicação e 77 de dengue hemorrágica, contra 1.403 de casos graves no ano passado.

Alerta

O Ministério da Saúde alerta para que as pessoas com os seguintes sintomas procurem uma unidade de saúde e não se automediquem:

¿ Febre alta
¿ Dor de cabeça
¿ Dor atrás dos olhos
¿ Manchas vermelhas no corpo
¿ Dor nos ossos e articulações

Se você já está com suspeita de dengue e começou apresentar:

¿ Dores abdominais
¿ Vômitos
¿ Qualquer tipo de sangramento

Retorne imediatamente à Unidade de Saúde. Você pode estar evoluindo para forma grave da doença.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.