Tamanho do texto

Fila e distribuição de senhas. Esse foi o cenário que alguns paulistanos encontram ao tentar se vacinar contra a gripe suína na terça, segundo dia da campanha destinada a grávidas, doentes crônicos e crianças de 6 a 23 meses.

Na Unidade Básica de Saúde (UBS) Jardim Peri, na Zona Norte de São Paulo, só foi vacinado quem chegou ao posto até as 16 horas, apesar de o horário da campanha ser das 8 horas às 17 horas ou 19 horas (dependendo do local). Três horas antes do fim do expediente no Jardim Peri, todas as senhas já haviam sido distribuídas e quem chegava era orientado a retornar outro dia.

AE
Criança recebe vacina em posto na Zona Norte de SP


Segundo uma funcionária da unidade, as senhas foram entregues para organizar a espera e o posto está cumprindo o horário de vacinação estipulado. Em nota, a Secretaria Municipal da Saúde informou que a distribuição de senhas para a vacinação da gripe suína não é procedimento padrão. Afirmou ainda que a unidade será reorientada.

Rio

A distribuição de vacinas para as grávidas no Rio deve se normalizar nos próximos dias, segundo a Secretaria de Estado da Saúde. Dos 92 municípios do Estado, 26 ainda não pegaram suas doses, o que deve ocorrer nesta quarta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.