Tamanho do texto

Risco de câncer de pele faz o número de países com restrições à técnica subir de 2 para 11 em oito anos

NYT

Câmara de bronzeamento
Getty Images
Câmara de bronzeamento

Aumentou o número de países que restringem o bronzeamento artificial em jovens menores de 18 anos nos últimos anos, segundo um novo estudo. Os autores destacam que a elevação está relacionada à ligação entre o procedimento e o câncer de pele.

Enciclopédia da Saúde : saiba tudo sobre o câncer de pele

Entre 2003 e 2011, o número de nações com restrições de abrangência nacional sobre o uso de bronzeamento artificial por pessoas menores de 18 anos aumentou de dois (Brasil e França) para 11 ( incluídos Áustria, Bélgica, Inglaterra, Alemanha, Irlanda do Norte, Portugal, Escócia, Espanha e País de Gales). Os dados foram publicados na revista médica Archives of Dermatology.

Veja também : Médicos alertam para o vício em bronzeamento

"Desde 2003, o acesso dos jovens ao bronzeamento artificial passou a ser mais restrito no mundo devido ao acúmulo de evidências científicas sobre a associação entre melanoma e o procedimento”, afirmou a autora do estudo, Maria Pawlak, da Escola de Saúde Pública do Colorado (EUA), em um comunicado divulgado pela revista médica . “Os países e Estados começaram a desenvolver legislações mais incisivas sobre a técnica.”

Saiba tudo sobre o melanoma

Frágil: No Brasil, vigilância contra o bronzeamento é deficiente

Os especialistas do Centro de Câncer Sloan-Kettering, em Nova York, Lucy L. Chen e Steven P. Wang, afirmam – no mesmo comunicado - que o impacto mais abrangente da restrição ao bronzeamento se dá por meio de legislações federais. “No entanto, na ausência de uma proibição completa, existem outras estratégias para limitar a exposição dos menores de 18 anos aos raios ultravioletas".

"Como dermatologistas, exercemos papéis fundamentais nesta campanha (de restrição). Diariamente, podemos desencorajar os pacientes, especialmente os adolescentes, no uso destas camas de bronzeamento", observaram os médicos. "Podemos ainda dar o nosso testemunho para embasar as legislações restritivas e sermos defensores desta causa.”

Proteção natural : alimentos que protegem a pele dos danos do sol

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.