Tamanho do texto

Mulheres no pós-parto estão incluídas na campanha deste ano, que distribuirá 43 milhões de doses em todo o País

Agência Brasil

Cerca de 65 mil postos de saúde em todo o país iniciam segunda-feira (15) a campanha de vacinação contra a gripe.

Saiba mais sobre a gripe na Enciclopédia da Saúde

A meta é imunizar 31,3 milhões de pessoas que integram os chamados grupos prioritários – as gestantes, os idosos com mais de 60 anos, as crianças entre 6 meses e 2 anos, os profissionais de saúde, índios, a população carcerária e os doentes crônicos.

Este ano, mulheres em período de puerpério (até 45 dias após o parto) também vão receber a dose. Outra novidade é que pacientes com doenças crônicas podem ser imunizados nos postos de saúde e não apenas nos centros de referência. Basta apresentar uma prescrição médica no ato da vacinação.

A campanha segue até 26 de abril. Serão distribuídas cerca de 43 milhões de doses que, este ano, protegem contra os seguintes subtipos de influenza: A (H1N1) ou gripe suína , A (H3N2) e B.

* Por Paula Laboissière

Leia mais notícias de saúde

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.