Tamanho do texto

A prova detectaria o vírus em menos de 15 minutos e pode ser feito a partir de a partir de gota de sangue, plasma ou urina

Vírus já matou mais de 4,5 mil pessoas
Getty Images
Vírus já matou mais de 4,5 mil pessoas

Pesquisadores franceses desenvolveram um teste de diagnóstico rápido do ebola. A prova detecta o vírus em menos de 15 minutos, conforme anunciou nesta terça (21) o Comissariado para a Energia Atômica e Energias Alternativas (CEA).

Segundo o CEA, o teste, idêntico ao de gravidez, “poderá ser utilizado, sem necessidade de material específico, a partir de uma gota de sangue, plasma ou urina”. Acrescentou que a verificação permitirá respostas, em menos de 15 minutos, para qualquer paciente que apresente sintomas da doença.

Leia também:

Ebola 'é o maior desafio de saúde pública desde surgimento da Aids'
Mundo está mal preparado para emergências sanitárias, diz diretora da OMS
OMS prevê 5 mil novos casos de ebola por semana em dezembro

Criado por uma equipe do CEA, o teste foi validado por um laboratório de alta segurança do Instituto Farmacêutico Jean Mérieux, em Lyon, no Centro-leste da França.

A fase de industrialização deve começar em breve, por meio da empresa francesa Vedalab, líder europeia de testes rápidos. De acordo com o CEA, um protótipo estará disponível a partir do fim deste mês.

Os atuais testes de diagnóstico do ebola, com base na detecção genética do vírus, levam, em média, pouco mais de duas horas e têm de ser realizados exclusivamente em laboratório.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.