Tamanho do texto

Pesquisadores canadenses afirmam que não está claro como peso e saúde serão mantidos depois de um ano de dieta

Uma pesquisa canadense sugere que as dietas da moda podem até ajudar na perda de peso no curto prazo - mas o efeito não necessariamente se mantém no longo prazo e os regimes podem não trazer benefícios para a saúde.

Está acima do peso?: Veja quais as técnicas para perder os quilos extras

Perda de peso não se manteve no longo prazo e benefícios para saúde não foram observados em dietas da moda
Getty Images
Perda de peso não se manteve no longo prazo e benefícios para saúde não foram observados em dietas da moda


Leia mais: Saiba como deve ser a dieta ideal

Os pesquisadores do Hospital Geral Judaico de Montreal e da Universidade McGill, no Canadá, analisaram quatro dietas famosas: Vigilantes do Peso, dieta da zona, Atkins e South Beach.

Segundo as descobertas, as pessoas nestas dietas perderam peso no início. No entanto, elas voltaram a engordar em um prazo de dois anos.

"Apesar da popularidade e de importantes contribuições para a indústria multimilionária do emagrecimento, ainda não sabemos se estas dietas são eficazes para ajudar as pessoas a perder peso e diminuir o risco de doenças cardíacas", disse Mark Eisenberg, cardiologista do Hospital Geral Judaico e autor do estudo.

"Com um número tão pequeno de testes analisando cada dieta e seus resultados, de alguma forma, conflitantes, existem apenas pequenas provas de que fazer estes regimes seja benéfico no longo prazo."

A pesquisa foi publicada na revista especializada Circulation: Cardiovascular Quality and Outcomes, uma revista da Associação Americana do Coração.

Resultados

Durante dois anos, os pesquisadores compararam as dietas com os resultados obtidos através da adoção de cuidados normais com a saúde, como cortar a ingestão de gordura, ser acompanhado por nutricionistas, mudar os hábitos e praticar mais exercícios.

A mais consistente foi a dieta do Vigilantes do Peso. Depois de um ano, os que fizeram este regime perderam entre 3,5 quilos e 5,99 quilos. Já as pessoas que simplesmente mudaram os hábitos perderam entre 800 gramas e 5,4 quilos. Porém, depois de dois anos, o peso perdido voltou em parte para os que fizeram a dieta.

Os resultados das comparações entre a dieta de Atkins e os cuidados normais foram inconsistentes. Já a comparação entre os cuidados normais e a dieta de South Beach não revelou diferença de peso durante 12 meses.

Os testes envolvendo comparações entre as dietas Atkins, Vigilantes do Peso, dieta da zona e os cuidados normais sugerem que todas as três dietas resultaram em uma pequena perda de peso em um ano.

Os que fizeram a dieta Atkins perderam uma média que variava entre pouco mais de dois quilos e 4,6 quilos.

Os que fizeram a dieta dos Vigilantes do Peso perderam uma média de quase três quilos. Os que fizeram a dieta da zona perderam entre 1,5 quilo e 3,1 quilos. O grupo de controle, que tomou os cuidados normais, perdeu cerca de 2,2 quilos.

As análises comparando as diferençãs entre as dietas de Atkins, Vigilantes do Peso e dieta da zona não foram observados melhores índices de colesterol, pressão sanguínea, níveis de açúcar no sangue e os fatores de risco para outros problemas cardiovasculares.

"Uma intervenção mais ampla no estilo de vida, que também envolva médicos e outros profissinais de saúde pode ser mais eficaz. E isto também passa aos médicos a mensagem de que as dietas populares, sozinhas, podem não ser a solução para ajudar os pacientes a perder peso", disse Eisenberg.

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.