Tamanho do texto

Segundo jornal britânico, jovem americano alegava que não conseguia mais ter relações sexuais e praticar esportes. Além disso, também revelou que sofria constrangimento em público

Adolescente americano passa por cirurgia de redução de pênis
Reprodução/Daily Mail
Adolescente americano passa por cirurgia de redução de pênis

Um adolescente americano de 17 anos foi submetido à primeira cirurgia de redução de pênis do mundo, segundo o jornal britânico Daily Mail. 

Com o órgão medindo quase 18 centímetros quando flácido e com mais de 25 centímetros de circunferência, o menino, que teve a identidade preservada, disse que não conseguia mais ter relações sexuais ou praticar esportes.

Segundo o jornal britânico, o jovem tinha dificuldade em vestir calças devido ao tamanho e peso do pênis e ficava envergonhado de como ele ficava aparente mesmo sob roupas normais.

Leia também: Aumentar o tamanho do pênis é possível em alguns casos

O adolescente sofria de crises de priapismo, ereções indesejadas em que hemácias falciformes do sangue – células do sangue malformadas, devido a uma condição genética – bloqueiam as veias do pênis, fazendo-o inchar. Esses episódios deixaram o pênis do garoto deformado.

Diante desta situação, ele procurou o urologista Rafael Carrion para que o médico diminuísse o pênis. Carrion declarou que o órgão tinha o formato de uma bola de futebol americano.

Ele ainda disse que, apesar de ser bastante grande, o pênis não crescia quando o menino tinha ereções, e mal ficava firme.

O adolescente teve uma cirurgia de redução bem sucedida. Seu pênis ainda é “um pouco maior e mais grosso do que o de um homem médio, mas agora ele parece simétrico e o paciente ficou bastante satisfeito”, afirma o urologista.

Veja ainda:
Afinal, o tamanho importa?
Dez dúvidas (deles e delas) sobre pênis

LEIA MAIS SOBRE SAÚDE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.