Tamanho do texto

O homem de 45 anos não conseguia falar, tinha problemas de visão e sofria sangramentos em decorrência de seu quadro

Após cerca de 27 horas, foi realizado com sucesso um dos mais completos transplantes  de rosto já registrados. No hospital Vall d'Hebron, em Barcelona, na Espanha, um paciente recebeu dois terços inferiores do rosto, do pescoço, a boca, a língua e a faringe.

O especialista Joan Pere Barret, que dirigiu uma equipe de 45 pessoas para o procedimento, explicou que, afetado há 20 anos por uma má formação massiva, o paciente "estava condenado a morrer após sua condição ter sido considerada inoperável".

Ainda segundo ele, a operação era tida como "extremamente perigosa e tinha um grande risco de morte".

O homem de 45 anos não conseguia falar, tinha problemas de visão e sofria de sangramentos em decorrência de seu quadro. Agora ele deve passar por um longo processo de recuperação.

Já foram realizados 35 transplantes de rosto do mundo, sendo quatro deles na Espanha. O primeiro aconteceu em 2010, neste mesmo hospital.

Leia também:
Células-tronco são esperança contra rejeição de transplante de órgãos no futuro
Cientista prevê transplante de cabeça em dois anos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.