Tamanho do texto

Casal teve gêmeos prematuros e precisou desligar as máquinas de um filho no mesmo dia em que levou o outro para casa

Os pequenos gêmeos britânicos Harley e Harrison May nasceram 13 semanas antes do previsto. Harley era especialmente mais fraco, pois foi privado de nutrientes no útero. Ele sofreu restrição de crescimento fetal, quando há uma distribuição desproporcional da placenta entre os dois gêmeos.

Os pais Demi e Steve May viram Harley, que nasceu com apenas 570 gramas, lutar pela vida por cem longos dias. Após este período, os médicos deram a notícia de que Harley não teria mais chance de viver, forçando os pais a desligarem a máquina que o mantinha vivo. Segundo o jornal britânico Daily Mail, horas depois desta amarga decisão, os médicos declararam que o irmão gêmeo de Harley, Harrison, estava bem o suficiente para ir para casa.

“Como mãe, a última coisa que você espera é decidir por fim à vida de um filho. Eu queria mais que tudo ter meus dois bebês saudáveis e felizes, mas eu não podia mais  ver Harley sofrer”, contou Demi. Veja fotos:


Leia também:
Bebê de 100 minutos é doador de órgãos mais jovem na Grã-Bretanha
“Hoje, meu bebê-milagre está com um ano”, diz mãe que teve câncer na gravidez
Bebê nasce sem respirar e depois de 10 minutos volta à vida



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.