Tamanho do texto

Faye Rodgers-Harris emagreceu 63 kg, mas não conseguia diminuir o tamanho das pernas e passou por cirurgia no local

A inglesa Faye Rodgers-Harris, de 40 anos, chegou a pesar 146 kg e lutou contra a balança por 30 anos. Com a ajuda de uma cirurgia bariátrica ela emagreceu 63 kg, mas não conseguia acabar com o excesso de gordura das pernas. 

Faya descobriu que sofria de lipoedema, o que fazia com que células de gordura se expandissem em sua perna gerando um crescimento anormal. Com uma lipoaspiração, ela retirou 12 litros de gordura das pernas, passou a pesar 85 kg e a ter um corpo proporcional. As informações são do jornal britânico "Daily Mail". 

Faya tinha lipoedemia, o que fazia com que células de gordura crescessem em suas pernas
BPM Media
Faya tinha lipoedemia, o que fazia com que células de gordura crescessem em suas pernas


Pernas de Faya após lipoaspiração
BPM Media
Pernas de Faya após lipoaspiração

"Minhas pernas estavam tão grandes que quando andava elas se esfregavam ao ponto de gerar ferimentos e sangramentos. Não importava o que eu fazia, elas continuavam crescendo", conta Faya. 

Com a descoberta do distúrbio e a retirada do excesso de gordura, ela finalmente se livrou de algo que sempre foi um problema. "Eu entrei em depressão por causa da minha aparência, não usava shorts ou saia de jeito nenhum. Já tinha perdido as esperanças das minhas pernas terem um tamanho normal. Sabia que ia ser um processo doloroso, mas valia a pena", fala Faya sobre o processo. 

Faya emagreceu 63 Kg após cirurgia bariátrica e retirou 12 litros de gordura das pernas
BPM Media
Faya emagreceu 63 Kg após cirurgia bariátrica e retirou 12 litros de gordura das pernas


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.