Mais de 207 mil pessoas morreram no mundo em 2019 por causa de sarampo
Foto: shutterstock
Mais de 207 mil pessoas morreram no mundo em 2019 por causa de sarampo

As mortes por sarampo em todo o mundo atingiram, no ano passado, seu nível mais alto em 23 anos. A informação é de um relatório divulgado nesta quinta-feira feito pela Organização Mundial da Saúde (OMS) junto com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos.

O aumento é impressionante para uma doença evitável por vacina, e os especialistas em saúde pública temem que a doença possa crescer à medida que a pandemia de coronavírus continua interrompendo os esforços de imunização e detecção.

A contagem global em 2019 — de 207.500 mortes — foi 50% maior do que a de três anos antes, de acordo com a análise.

No Brasil foram registrados 18.203 casos de sarampo em 2019 , quando 15 pessoas morreram em razão da doença. A grande maioria ocorreu em São Paulo, seguidos do Paraná, Rio de Janeiro, Pernambuco, Santa Catarina, Minas Gerais e Pará. Das 15 mortes em 2019, 14 foram no estado de São Paulo e uma em Pernambuco.

Já os EUA, apesar de não terem relatado nenhuma morte por sarampo, registraram um recorde anual de 1.282 casos em 31 estados, o maior desde 1992, de acordo com dados atualizados no início deste mês.

LEIA AQUI REPORTAGEM COMPLETA.

    Veja Também

      Mostrar mais