Tamanho do texto

Conheça outras funções que tornam esse órgão vital para a manutenção do corpo

O equilíbrio do organismo humano se deve, em grande parte, ao trabalho dos rins. A Sociedade Brasileira de Nefrologia explica que esses órgãos funcionam como filtros, eliminando toxinas que, acumuladas, fazem mal ao corpo.

Além disso, essas estruturas são responsáveis pela regulação da formação do sangue e da produção dos glóbulos vermelhos, da pressão sanguínea e do delicado balanço químico e de líquidos do corpo. Saiba mais sobre o que os seus rins fazem por você:

Sangue completo
Os rins liberam um hormônio chamado de eritropoetina, que ajuda na maturação dos glóbulos vermelhos do sangue e da medula óssea. A falta deste hormônio pode causar anemia .

Ossos fortes
Os rins regularizam as concentrações de cálcio e de fósforo no sangue e produzem uma forma ativa de Vitamina D, a responsável pela fixação do cálcio nos ossos.

Pressão controlada
Os rins controlam as concentrações de sódio e a quantidade de líquido no corpo. Quando falham, esse equilíbrio se rompe, causando aumento da pressão sanguínea. A hipertensão prolongada danifica os vasos sanguíneos, causando assim falha renal.

Equilíbrio químico e hídrico
Quando os rins não funcionam apropriadamente, as toxinas se acumulam no sangue. Isto resulta em uma condição muito séria conhecida como uremia – ela causa náuseas, fraqueza, cansaço, desorientação, falta de ar e inchaço nos braços e pernas.

Leia também: Falência dos rins poderia ser evitada com exames simples

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.