Escutar música em alto volume é uma das causas que podem fazer com que a pessoa fique surda gradualmente, por exemplo; veja o que fazer para evitar

Em excesso, uso do fone de ouvido pode causar prejuízos irreversíveis ao sistema auditivo
Pixabay
Em excesso, uso do fone de ouvido pode causar prejuízos irreversíveis ao sistema auditivo


Celebrado em 10 de novembro, o Dia de Prevenção e Combate à Surdez traz um alerta para aqueles que não vivem sem fone de ouvido: o uso incorreto do acessório pode levar à perda total de audição. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 1 bilhão de pessoas podem ficar surdas por escutarem música em alto volume.

Leia também: Excesso de cera de ouvido pode causar diminuição da audição

Segundo o Dr. Andy Vicente, otorrinolaringologista do Hospital CEMA, usar o fone de ouvido de forma prolongada e contínua pode causar danos irreversíveis ao sistema auditivo. “A perda de audição acontece de forma gradual, ou seja, a exposição sonora inadequada vai provocando um distúrbio progressivo ao longo dos anos”, explica o profissional.

Sintomas

Durante esse período, uma das formas de identificar se há algo de errado é prestar atenção aos sintomas. Entretanto, eles podem se manifestar apenas quando o problema já está em estágio mais avançado. “ Zumbido , pressão nos ouvidos, dificuldade para compreender as palavras, falta de concentração e irritabilidade são alguns dos indícios”, informa o Dr. Andy Vicente.

Leia também: Risco triplo de acidente para pedestres que usam fones de ouvido

Caso haja desconfiança e, ao notar alguns dos sinais de suspeita de perda auditiva , deve-se ir ao médico para que a situação possa ser avaliada e seja possível realizar a orientação, o tratamento e, caso necessário, a reabilitação adequada ao paciente prejudicado.

Volume ideal

Conforme alerta o especialista, o limite seguro de som contínuo para o ouvido é de 80 decibéis. O ideal é que não somente os fones, mas também outros aparelhos sonoros sejam usados com o volume até a metade para evitar prejuízos à audição. Isso porque os sons acima de 85 decibéis são prejudiciais e, inclusive, alguns modelos podem atingir até 120 decibéis.

Leia também: Crianças que nasceram surdas passam a escutar após cirurgia

Vale destacar também que é importante não ouvir o som tão alto a ponto de não escutar o que está a sua volta. Em locais agitados, como festas, baladas e shows, o recomendado é evitar ficar próximo às caixas de som. O especialista também sugere descansar alguns dias após o uso prolongado de fone de ouvido e optar pelo modelo em formato de concha, que é menos prejudicial que as outras opções disponíveis no mercado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.