PEQUIM — Segundo dados divulgados pelas autoridades chinesas na noite desta segunda-feira (manhã de terça na China ), o número de mortos em decorrência do coronavírus subiu para 425. As novas 64 mortes aconteceram em Hubei, província onde a epidemia começou.

No Brasil, um esquema de quarentena será montado para os cidadãos que voltam da China
shutterstock
No Brasil, um esquema de quarentena será montado para os cidadãos que voltam da China

Outras novas 2.345 pessoas tiveram a infecção pelo novo vírus confirmada apenas na província, elevando o número de casos confirmados para quase 20 mil.

Nesta segunda, o Ministério da Saúde divulgou que há 14 casos suspeitos do novo coronavírus no Brasil, enquanto outros 13 já foram descartados.

Leia mais: Pânico global: Entenda o surto de coronavírus no mundo

Você viu?

Os 14 casos suspeitos do último balanço desta segunda-feira, foram registrados em São Paulo (7), Rio Grande do Sul (4), Santa Catarina (2), Rio de Janeiro (1). Os 13 descartados são de: São Paulo (3), Rio Grande do Sul (3), Santa Catarina (2), Rio de Janeiro (1), Minas Gerais (1) e Paraná (2) e Ceará (1).

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta afirmou nesta segunda-feira que os brasileiros que vierem da China , para fugir da epidemia do novo coronavírus, terão que passar por uma quarentena de 18 dias. De acordo com Mandetta, o período tradicional de quarentena para casos como esse é de 14 dias, mas haverá um aumento por precaução.

Leia mais: Coronavírus: 80% das pessoas não apresentam sintomas; veja como se prevenir

Destaques desta segunda-feira sobre coronavírus:

  • Cruzeiro americano é impedido de atracar na costa do Japão por causa do coronavírus . As vistorias pelo cruzeiro, chamado Princess Diamond, começaram depois que um hóspede — que não apresentou sintomas de coronavírus durante sua estadia — teve diagnóstico positivo para a doença seis dias após deixar o navio.
  • EUA têm segundo caso de transmissão de pessoa para pessoa. O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) forneceu planos mais detalhados sobre como o país lidará com os viajantes que retornam da China.
  • Vaticano envia 700 mil máscaras para ajudar China contra coronavírus. Governo chinês pediu ajuda com equipamentos de proteção; França, Reino Unido, Japão e Coréia do Sul já enviaram suprimentos médicos.
  • Número de mortes por novo coronavírus supera o da Sars na China. Entre 2002 e 2003, epidemia de Síndrome Respiratória Aguda Grave matou 349 pessoas na China continental.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários