médicos e respiradores, utilizados para tratar o novo coronavírus
Rovena Rosa/Agência Brasil
médicos e respiradores, utilizados para tratar o novo coronavírus

Dos 5.547 pacientes e profissionais de saúde que contraíram o novo coronavírus (Sars-coV-2) dentro de hospitais, 2.426 morreram.

Os dados são do Sistema de Vigilância Epidemiológica, do Ministério da Saúde e correspondem a 43% dos casos avaliados. A taxa de mortalidade dos pacientes que contraíram a doença fora das unidades médicas é de 30%.

Para o estudo, o sistema considerou apenas os casos de SRAG ( Síndrome Respiratória Aguda Grave ), uma das complicações recorrentes da Covid-19 e que levam os pacientes a serem internados.

Em julho, o coronavírus superou os registros anuais de mortes por SRAG registrados pelo SUS (Sistema Único de Saúde) desde 1996, quando a contagem atual passou a ser feita. Com informações do Uol .

    Veja Também

      Mostrar mais