Hospital
Divulgação/Estado de São Paulo
Hospital de Campanha do Ibirapuera será encerrado no dia 30 de setembro

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta sexta-feira o encerramento das atividades no hospital de campanha do Ibirapuera no dia 30 de setembro. A instalação temporária inaugurada em maio deste ano com o objetivo de aumentar o suporte da saúde para atender pacientes da Covid-19.

De acordo com o governador, a decisão foi tomada com base na queda no número de internações do estado. "O hospital encerra as atividades com 99% de aprovação dos pacientes que foram ali tratados". As atividades serão suspensas após cinco meses de atividades contínuas, nos quais foram atendidos 3,2 mil pacientes.

O hospital de campanha do Ibirapuera é o último que ainda estava em funcionamento no estado. "Quero agradecer a todos os profissionais de saúde que atuaram no combate à pandemia", destacou o governador. A unidade contou com o trabalho de 800 profissionais, sendo mais de 200 médicos, cerca de 450 profissionais de Enfermagem, além de equipes de Fisioterapia, Farmácia, Assistência Social, Nutrição, Psicologia, Fonoaudiologia, apoio técnico e recepção. 

    Veja Também

      Mostrar mais