Máscara
Reprodução
Máscara apresentou 99,9% de eficácia

Um material desenvolvido em parceria entre a empresa de biotecnologia Golden Technology e os institutos de química e ciências biomédicas da Universidade de São Paulo (USP) promete inativar o coroavírus por até 12 horas. Batizada de Phitta Mask, o novo equipamento aguarda aprovação da Anvisa.

Por enquanto, o objetivo é aplicar a descoberta em máscaras cirúrgicas para uso hospitalar. A pesquisa é resultado de um investimento de R$ 2 milhões e realizou testes no Laboratório de Virologia do ICB, onde apresentou 99,9% de eficácia na eliminação do vírus.

Além da boa aprovação nos testes, outro atrativo do equipamento de proteçao individual é o custo, que permite uma comercialização por R$ 1,70 cada unidade. Os cientistas, porém, destacam que o uso das máscaras não garante a prevenção completa contra o vírus e deve ser combinada aos outros cuidados, como higiene das mãos e distanciamento. 

    Veja Também

      Mostrar mais