Covid-19
Pixabay/Reprodução
Crianças de até 5 anos são consideradas grupo de risco para Covid-19

Uma síndrome que provoca inflamação nos vasos coronarianos de crianças que contraíram a Covid-19 está intrigando médicos durante a segunda onda da pandemia. Trata-se da doença de Kawasaki , que segundo a reumatologista do Grupo Prontobaby, Vivian Oliveira, é causada por agentes infecciosos que desencadeiam vasculite generalizada no hospedeiro.

Enquanto o novo coronavírus apresenta tendências de estabilidade e alta em quase todo o território nacional, a especialista diz que os pais devem ficar alertas com crianças geneticamente propensas a desenvolver a inflamação.

“Devemos levar em conta uma série de critérios no quadro da criança para apontar a doença de Kawasaki. O principal sintoma é febre por mais de cinco dias”, diz a pediatra Patrícia Rezende.

A doença de Kawasaki afeta principalmente as crianças com menos de 5 anos do sexo masculino, apesar de também ser detectada em adultos. “É uma doença aguda, autolimitada, e na maioria das vezes, benigna. Ocorre uma inflamação nos vasos causada por um quadro inflamatório”, diz a Dra. Patrícia. 

Quando procurar um médico?

O tratamento da doença de Kawasaki tem o objetivo de reduzir a inflamação para neutralizar a chance do paciente desenvolver aneurismas coronarianos. “A principal forma de tratar é utilizando imunoglobulina humana, obtida no plasma humano. É importante que o diagnóstico seja feito antes”.

Segundo as especialistas do Grupo Prontobaby, os pais devem procurar o médico se a criança apresentar febre alta por mais de 72 horas. Olhos vermelhos e secos, lábios avermelhados, língua com aumento das papilas e inchaço das mãos e dos pés também são sinais da síndrome.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários