João Doria convocou uma coletiva excepcional neste domingo (13) para anunciar que vacinação em São Paulo será adiantada
Reprodução: BBC News Brasil
João Doria convocou uma coletiva excepcional neste domingo (13) para anunciar que vacinação em São Paulo será adiantada


O govenador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), convocou uma coletiva de surpresa neste domingo (13), no Palácio dos Bandeirantes, para anunciar um adiantamento em 30 dias no calendário de vacinção. Pessoas de 18 a 24 anos começarão a ser vacinadas de 1 a 15 de setembro. 

"São Paulo será o primeiro estado do Brasil a imunizar totalmente a sua população", afirmou Doria ao anunciar o maior avanço já definido na campanha de vacinação contra a Covid-19 em SP. A previsão era de que o último grupo terminasse de ser vacinado apenas em 18 outubro, data que foi batizada de "Dia da Esperança",  conforme o governador anunciou na última quarta-feira (9).

Doria ainda afirmou que o estado tem doses garantidas para início da imunização dos adultos de 40 a 59 anos ainda em junho. Somente neste mês, a previsão do PEI (Programa Estadual de Imunização) é que 7,45 milhões de adultos do Estado de São Paulo recebam a primeira dose até o final deste mês, informou nota do governo do estado.

Você viu?

"Hoje é um dia muito especial. Estamos demonstrando aqui o quanto o estado de São Paulo e o Programa Estadual de Imunização têm sido rigorosos planejando as estratégias de vacinação e, assim, pudemos antecipar o nosso calendário de vacinação”, afirmou Regiane de Paula, Coordenadora do PEI, na coletiva.

Novo calendário

Com a nova data, de 16 a 22 de junho serão vacinados o grupo de 50 a 59 anos; de 23 a 29 de junho, o grupo de 43 a 49 anos; de 30 de junho a 14 de julho, o grupo de 40 a 42 anos; de 15 a 29 de julho, o grupo de 35 a 39 anos; de 30 de julho a 15 de agosto, o grupo de 30 a 34 anos; de 16 a 31 de agosto, o grupo de 25 a 29 anos e, finalmente, de 1 a 15 de setembro, o grupo de 18 a 24 anos.



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários