Guia de Atividade Física lançado pelo Ministério da Saúde
Divulgação/Walterson Rosa
Guia de Atividade Física lançado pelo Ministério da Saúde


O Ministério da Saúde lançou nesta terça-feira (29) o primeiro guia de exercícios físicos para a população. A pasta, no entanto, não citou orientações específicas para o período de pandemia da Covid-19, como o uso de máscaras e distanciamento social. 

Segundo o documento, praticar regularmente atividades físicas pode ajudar a reduzir o risco de desenvolver  obesidade e doenças crônicas, fatores de risco para a Covid-19. De acordo com o guia, uma rotina ativa beneficia também a  saúde mental, que vem sendo afetada pela pandemia.

"A falta de atividade físicas é um fator de risco muito importante, primeiro para a obesidade e, segundo, para enfermidades crônicas não transmissíveis e que são predominantes em nossa população. Nós podemos envelhecer saudavelmente e nós podemos também melhorar nossa saúde física, nossa saúde mental. (...) A atividade física não é um medicamento, mas precisa de um trabalho intersetorial", afirmou Socorro Gross, representante da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) no Brasil, em coletiva à imprensa.

Você viu?

Apesar de ter sido lançado em meio à pandemia do novo coronavírus, o guia não traz orientações específicas para este período. Em vez disso, recomenda o uso de boné, camisa de manga longa e protetor solar -- sem citar uso de máscara, distanciamento social ou os níveis de risco de contágio para a prática em ambientes ao ar livre ou fechados.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que doenças crônicas matem cerca de 41 milhões de pessoas por ano no mundo -- 71% do total de óbitos. No Brasil, doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) também alcançam cerca de 70% das causas de mortes em adultos, segundo pesquisa da Escola Bloomberg de Saúde Pública da Universidade Johns Hopkins.

"A região das Américas é, lamentavelmente, a mais obesa do mundo. Essa região tem também uma queda das atividades físicas", afirmou Gross.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários