Varíola dos macacos
Divulgação
Varíola dos macacos

O governo do Estado de São Paulo passou a estudar a compra de vacinas contra a varíola dos macacos, após os casos triplicarem em duas semanas.

A informação foi dada pelo secretário de Ciência, Pesquisa e Desenvolvimento em Saúde, David Uip.

"O governador já determinou que tomássemos providências, no sentido de aquisição de vacina, que vai ser feita pelo Butantan, ou até em algum momento, se for possível, a produção de vacinas", disse Uip.

Até a última semana, o Estado de São Paulo, que no começo do mês criou um comitê, confirmou 425 casos, sendo grande parte deles na região metropolitana: 358 na capital e 50 em outras cidades.

Vale lembrar que a vacina contra a varíola humana voltou a ser produzida na Dinamarca e já está sendo adquirida por países da União Europeia e pelos EUA.

Entre os sintomas mais característicos da doença estão o aumento dos gânglios, conhecidos como ínguas. Os pacientes também podem ter febre e  lesões no corpo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários