Pelo quarto ano seguido, a capital paulista registrou diminuição da incidência do Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV, na sigla em inglês)
Reproductive Health Supplies Coalition / Unsplash
Pelo quarto ano seguido, a capital paulista registrou diminuição da incidência do Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV, na sigla em inglês)

Cientistas anunciaram nesta quarta-feira durante a Conferência Internacional de Aids, realizada em Montreal, no Canadá, o quarto caso no mundo de um paciente que entrou em remissão para o HIV , considerado curado .

Assim como os dois últimos pacientes, o homem de 66 anos, que foi diagnosticado com a doença em 1988, recebeu um transplante de células-tronco para tratar um quadro de leucemia de um doador com genética resistente ao vírus que causa a Aids.

Os dados foram apresentados no evento pela professora da Divisão de Doenças Infeciosas do City of Hope, centro médico onde foi realizado o procedimento, nos Estados Unidos.

Segundo comunicado da instituição, o transplante foi realizado há três anos e meio. O paciente vivia com  HIV há 31 anos, e foi o mais velho a atingir o status considerado de cura da doença. Os pesquisadores anunciaram a remissão depois que o homem permaneceu 17 meses sem receber o tratamento antirretroviral e, ainda assim, não voltou a ter níveis detectáveis do vírus.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários