Vírus da 'varíola dos macacos'
Foto: Centro de Controle de Doenças/Divulgação - 20/05/2022
Vírus da 'varíola dos macacos'

A Espanha registou nesta sexta-feira o primeiro óbito da Europa pela varíola dos macacos . Segundo a agência Reuters, a informação foi confirmada pelo Ministério da Saúde espanhol. Mais cedo, o Brasil confirmou o primeiro caso de morte pelo vírus monkeypox fora do continente africano, onde a doença é endêmica. O caso brasileiro foi de um homem, de 41 anos, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

A Espanha é um dos países mais afetados pela doença. No último relatório divulgado pelo ministério espanhol, foram 4.298 pessoas diagnosticadas até agora na região.

De acordo com a atualização mais recente da Organização Mundial da Saúde (OMS), que declarou a situação do vírus monkeypox como emergência pública internacional no último sábado, já foram registrados mais de 16 mil casos da doença em ao menos 75 países. Até então, havia apenas cinco mortes confirmadas, todas em países da África.

O Brasil foi o primeiro país de uma região onde o vírus não é endêmico a registrar um óbito. De acordo com o Ministério da Saúde, o paciente tinha comorbidades e um quadro de imunossupressão por estar passando por uma quimioterapia para tratar um câncer no sistema linfático, um linfoma.

Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital público da capital mineira e morreu devido a um choque séptico, quando a infecção se alastra pelo corpo. A Secretaria Estadual de Saúde de Minas Gerais informou que o óbito foi registrado na quinta-feira.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários