O diabetes pode resultar em alguns problemas bucais
Divulgação
O diabetes pode resultar em alguns problemas bucais

Conviver com diabetes vai muito além de monitorar a glicose, como muitas pessoas acham. As altas taxas de açúcar no sangue podem afetar nosso corpo de uma forma geral e causar de complicações leves e até mais graves. Isso pode acontecer na nossa boca: em casos mais graves a pessoa pode perder os dentes. Mas por que isso acontece e quais os sinais ou problemas bucais causados pelo diabetes sem controle?

Eu confesso que eu não sabia e descobri recentemente conversando com uma dentista, microbiologista, professora e mãe de uma menina também com diabetes tipo 1. Christine Rolke ( @maepancreas ) me alertou sobre a importância dos cuidados com a saúde bucal, além do bom controle do diabetes para evitar quatro complicações mais comuns na boca de quando a glicose no sangue fica alta por muito tempo.


Precisamos entender que a pessoa com diabetes é mais vulnerável a contaminação bacteriana. Estima-se que cinco entre seis pessoas com diabetes têm um risco maior para doenças gengivais avançadas. Isso acontece em razão da diminuição na capacidade de combater as bactérias que invadem o tecido gengival.

Portanto, os quatro sinais de diabetes na boca são:

Candidíase Oral ou Sapinho (nome popular) - O problema bucal causa lesões brancas, geralmente na língua ou no interior das bochechas. São lesões que podem ser dolorosas e até sangrar em alguns casos. Se não for tratada, a candidíase pode afetar também a garganta, as amígdalas, a gengiva e o céu da boca.

Xerostomia ou boca seca - Ocorre quando as glândulas salivares não produzem saliva suficiente para manter a boca com a umidade ideal. A principal causa de boca seca para as pessoas com diabetes são os níveis elevados de açúcar no sangue.

Gengivite - É o primeiro estágio da inflamação causada pela placa bacteriana que se forma na margem da gengiva. Os principais sintomas são: vermelhidão, inchaço, mau hálito, gosto ruim na boca e principalmente sangramento durante a escovação ou ao passar o fim dental. Outro ponto importante e que merece a nossa atenção é a questão da retração da gengiva, que dá a sensação que o dente ficou mais longo.

Periodontite ou doença periodontal – É o estágio mais avançado da gengivite e isso pode levar à perda dos dentes. Mau hálito, sangramentos na boca, escurecimento da gengiva estão entre os sintomas. A periodontite é considerada a complicação oral do diabetes mais importante e pode causar a perda dos dentes. 

Para evitar essas complicações na boca, é importante manter um bom controle da glicose e também fazer a higiene bucal diariamente. Em caso de dúvida, consulte um especialista da área. 

Outras informações sobre o tema e outros assuntos relacionados ao diabetes, acesse o nosso portal de notícias:  www.umdiabetico.com.br


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários