vacinação
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Regular vacinas pode ser desafio para UE

A União Europeia registrou a preocupação com o futuro monitoramento da segurança de vacinas contra a Covid-19, especialmente as que envolvem novas tecnologias, como o RNA mensageiro - utilizado pelos imunizantes Pfizer e Moderna.

A informação foi compartilhada por Emer Cooke, que assumiu o comendo da Agência Europeia de Medicamentos (EMA), em entrevista à agência Bloomberg. Para Cooke, os resultados positivos "não devem eliminar a necessidade de monitorar com muito cuidado essas novas vacinas".

Nesta segunda-feira (16), a Moderna anunciou que sua vacina mRNA mostrou 94,5% de eficácia nos testes preliminares, a maior até agora. Outro resultado otimista foi compartilhado pela Pfizer, cuja vacina que utiliza a mesma tecnologia apresentou 90% de eficácia.

    Veja Também

      Mostrar mais