Vacina
Fotoarena / Agência O Globo
Vacina Coronavac, desenvolvida pela China, contra a Covid-19

(ANSA) - A Turquia planeja iniciar a vacinação de sua população contra o novo coronavírus no próximo dia 11 de dezembro, usando o imunizante Coronavac, desenvolvido pelo laboratório chinês Sinovac e que também está em teste no Brasil.

O anúncio foi feito nesta terça-feira (1º) pelo ministro da Saúde do país, Fahrettin Koca, que disse que a imunização começará pelos operadores sanitários. Segundo ele, 20 milhões de doses da Coronavac serão disponibilizadas ainda neste mês, enquanto outras 30 milhões chegarão até fevereiro de 2021.

Essa quantidade serviria para vacinar 25 milhões dos cerca de 82 milhões de habitantes da Turquia, já que são necessárias duas doses do medicamento por pessoa. "E nós queremos aumentar esses números", afirmou Koca a jornalistas.

A Coronavac está na terceira fase de ensaios clínicos em humanos e, segundo o governo do estado de São Paulo, que tem um acordo com o Sinovac, os dados de eficácia serão divulgados nesta semana. (ANSA).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários