Vacina
Governo do Estado de São Paulo/Divulgação
Agência autoriza uso emergencial de vacina na Argentina

A Agência Reguladora de Alimentos e Medicamentos da Argentina (ANMAT) oficializou, nesta quarta-feira (23) a autorização para início da vacinaação contra a Covid-19 no país com o imunizante Pfizer/BioNTech. A autorização é válida por um ano e exige prescrição para venda.

"A Administração Nacional de Medicamentos e Alimentos informa que, por meio do Regulamento 9210/20, autorizou a inscrição no Registro de Especialidades Medicinais do produto 'Comirnaty/BNT162b2', uma vacina para SARS-COV-2 da empresa Pfizer", disse o comunicado.

Agora, o governo argentino negocina um acordo de prestação de serviços com a farmacêutica Pfizer para obter o número necessário de doses para a campanha inicial. "Conversamos com muitos laboratórios. A primeira com que falamos foi a Pfizer, então temos certa frustração de que isso não saia", disse o ministro da Saúde, Ginés González, à rádio El Destape.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários