Sputnik V
Reprodução
Argentina recebe primeiras doses de vacina russa

A Argentina recebeu, na manhã desta quinta-feira (24), um carregamento de 300 mil doses da vacina Sputnik V, produzida na Rússia. O país é o terceiro da América Latina a firmar um plano de vacinação contra a Covid-19 ainda em 2020. Objetivo do país vizinho é iniciar imunização na próxima semana.

O voo AR1061 pousou em Buenos Aires às 10h17 desta manhã. Agora, a vacina russa deve se unir ao imunizante Pfizer, cujo uso emergencial foi aprovado pela agência reguladora do país na terça-feira (22). As primeiras doses da vacina Pfizer devem chegar ao país entre janeiro e março.

Além da Argentina e do México - que iniciou a vacinação na quarta-feira (23) - o Chile também aguarda um lote de 10 mil doses do imunizante Pfizer ainda nesta quinta-feira. De acorod com o presidente Sebastián Piñera, a aplicação deve começar ainda hoje, com os profissionais de saúde.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários