O governo da China concedeu registro para uso comercial e mais amplo da Coronavac, vacina contra a covid-19 desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac
Foto: Divulgação
O governo da China concedeu registro para uso comercial e mais amplo da Coronavac, vacina contra a covid-19 desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac

O governo da China concedeu registro definitivo para uso comercial e mais amplo da CoronaVac, vacina contra a Covid-19 desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac. O imunizante agora poderá ser aplicado em toda a população do país, informaram autoridades neste sábado (06).

A CoronaVac é a segunda vacina contra a Covid-19 a receber o registro definitivo pelo país asiático, depois que uma vacina desenvolvida por um instituto de Pequim afiliado ao China National Pharmaceutical Group (Sinopharm) foi aprovada em dezembro. Ambas as vacinas já são usadas no programa de vacinação da China, visando principalmente grupos-chave com maior risco de exposição ao novo coronavírus (Sars-CoV-2).

A Sinovac, em comunicado à imprensa, ressaltou que Indonésia, Turquia, Brasil, Chile, Colômbia, Uruguai e Laos já concederam autorizações de uso emergencial para a vacina.

A Sinovac Life Sciences diz ser capaz de produzir mais de 1 bilhão de doses por ano na forma de ingrediente a granel até fevereiro, disse a empresa em um comunicado.

Com o aval na China, a Sinovac deverá fazer o mesmo pedido de registro definitivo à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que até então aprovou apenas o uso emergencial da vacina no Brasil. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a solicitação poderá ser feita já na próxima semana.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários