Ministro da Saúde reconhece momento crítico da pandemia no Brasil
Carolina Antunes/PR
Ministro da Saúde reconhece momento crítico da pandemia no Brasil

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou nesta quinta-feira (25) que o Brasil vive uma etapa mais grave da pandemia da Covid-19. De acordo com o ministro, a taxa de contágio do vírus está três vezes maior do que no início da pandemia.

A declaração foi feita durante entrevista coletiva em Brasília, no dia em que o país atinge a marca de 250 mil mortos pela doença. Há 35 dias seguidos o Brasil registra mais de mil mortes por dia.

"Estamos enfrentando uma nova etapa da pandemia. Hoje, o vírus mutado, ele nos dá três vezes mais a contaminação, e a velocidade com que isso acontece em pontos focais pode surpreender o gestor em termos de estrutura de apoio. Essa é a realidade que vivemos hoje no Brasil", afirmou o ministro.

Além da variante P1, identificada em Manaus, o ministro reforçou o risco de contágio de outras cepas do coronavírus, como a variante britânica que já foi identiicada em diferentes estados.

"Voltamos a ficar alertas, isso tem se confirmado, novas cepas no Brasil, nova linhagem em Manaus, a P1, extremamente agressiva em termos de contaminação, três vezes mais rápido. Esse vírus já faz parte do cotidiano, está em outros estados brasileiros. Como ela se desenvolve em cada lugar depende de outros fatores, climáticos, sociais, de saneamento, cultura", disse.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários