Medicamentos do kit intubação
Foto: Alexandre Schneider/Getty Images
Medicamentos do kit intubação

Apesar do momento mais grave da pandemia da Covid-19 no Brasil, os medicamentos necessários para intubar pacientes graves aumentaram muito de valor. Uma pesquisa obtida com exclusividade pela CNN mostra que o preço dos remédios que compõem o chamado "kit intubação" aumentou em até 894%.

O levantamento também mostra que 70% da demanda não foi atendida pelos fornecedores no mês de abril, resultado do aumento expressivo da procura e da falta de alguns desses itens no mercado.

Os dados foram compilados pela Bionexo, multinacional brasileira que atende cerca de 40% dos hospitais privados no país.

O remédio com maior aumento foi o Midazolam, da classe dos benzodiazepínicos, utilizado na sedação dos pacientes. Nas últimas semanas, o preço cresceu 894% em relação aos meses anteriores à pandemia e chegou ao maior patamar de todo o período de enfrentamento do novo coronavírus.

Já o Cisatracúrio, bloqueador neuromuscular de duração intermediária injetável, teve a segunda maior alta, 766% na última semana em relação ao período pré-pandemia. O Propofol, anestésico de ultracurta duração, tem sofrido uma queda no preço. Mesmo assim, está 229% mais caro do que nos meses pré-pandemia. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários