Registro do ministro da Saúde no Senado
Jefferson Rudy/ Agência Senado
Registro do ministro da Saúde no Senado

A Comissão Seguridade e Saúde aprovou nesta quarta-feira convites para que o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o ministro da Justiça, Anderson Torres, e o presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres, prestem esclarecimentos de ações no combate à pandemia de Covid-19. Na audiência, foi confirmado que Queiroga irá no dia 15 de dezembro, Barra Torres no dia 8, e uma data ainda será confirmada com Anderson Torres.

Parlamentares querem que o ministro da Saúde esclareça sobre o atual cenário da pandemia no país e as medidas para o controle da nova variante do coronavírus, a Ômicron. Outro ponto é quanto à exigência de certificação de vacinação para entrada no país, que foi recomendada pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa), mas que ainda não foi adotada pelo governo.

Leia Também

O deputado Alexandre Padilha (PT-SP), autor do requerimento de convocação, o que obrigaria o comparecimento, aceitou que o pedido fosse transformado em convite após a indicação das datas para presença dos ministros.

"A Anvisa faz uma recomendação que os países estão assumindo , que é exigir certificado de vacinação de pessoas que venham para o Brasil. E as declarações do ministro da Justiça dizem que ele é contra e está passando por cima de uma posição da Anvisa", disse Padilha, acrescentando que é preciso saber se o ministro também não mudou de opinião com o surgimento da variante Ômicron.

Os deputados querem ouvir o presidente da Anvisa sobre orientações da agência para evitar a entrada e disseminação de novas variantes do coronavírus no país.

Drop here!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários