Tamanho do texto

Jayne Sharp contraiu uma bactéria capaz de destruir os tecidos da pele

A dentista norte-americana Jayne Sharp viveu um susto que poderia tê-la feito amputar um dedo. De acordo com o portal The Mirror , a mulher fez as unhas no salão habitual, no estado do Tenessee. Ao voltar para casa, porém, ela percebeu que o polegar esquerdo estava latejando mais do que deveria. 


Leia mais: 'Doença do pombo' pode levar à morte. Saiba o que é e os sintomas

Em poucas horas, o incômodo tornou-se dor insuportável, que fez com que Jayne procurasse uma emergência . O resultado dos exames fez com que os médicos temessem que ela chegasse a perder o braço, tamanha a gravidade da infecção .

Leia mais: Criança contrai bactéria grave por causa de sinusite

Jayne foi diagnosticada com uma fasceíte necrosante.Uma infecção grave que afeta a pele e pode evoluir muito rapidamente. Por ser diabética, a mulher ficou ainda mais suscetível à doença. 

bactéria penetra entra na pele através de pequenos ferimentos e depois na corrente sanguínea. Após o diagnóstico , a dentista aposentada precisou fazer uma série de procedimentos cirúrgicos. “Minha vida ficou completamente diferente", disse ela ao portal.