Tamanho do texto

O menino ficou oito dias internado e, agora, está se recuperando da doença

Uma mãe postou um desabafo na página do Facebook Saúde Mamãe e Bebê para contar sobre uma condição grave que o seu filho, Asafe, desenvolveu logo após ser diagnosticado com sinusite. Segundo o relato, a criança teve celulite orbital, uma infecção que afeta a região dos olhos e causa dor, além de outros sintomas desagradáveis.

Leia também: Bebê de um ano pega catapora e quase morre após desenvolver infecção grave

De acordo com a mãe, o pequeno dormiu um dia à tarde e, quando acordou, estava com o olho esquerdo inchado. “Ficamos preocupados, porque ele já havia operado o canal lacrimal desse olho e achamos que era o mesmo problema”, destaca.

No dia seguinte, Asafe foi até o oftalmologista, que já mandou interná-lo imediatamente. Foi nesse momento que os pais souberam que, na verdade, o problema no olho do filho era resultado da doença. O médico explicou que era celulite orbital e, na maioria das vezes, é proveniente de uma bactéria transmitida pela sinusite

Leia também: Irmãs siamesas de dois anos unidas pelo crânio são separadas com sucesso

“A criança coça o nariz e depois coça o olho e, assim, leva a bactéria do nariz para os olhos ou se alguém com sinusite espirrar perto de você pode transmitir também”, explica na publicação. Diante disso, Asafe passou oito dias internado tomando antibióticos fortíssimos para combater a bactéria

“Graças a Deus ele respondeu bem à medicação, tanto que, no terceiro dia de internação, estourou a celulite e, desta forma, saiu muita secreção por dois dias... Gente, isso dói muito, incomoda. É um sofrimento que ninguém merece passar”, completa. 

Leia também: 384 casos de sarampo são confirmados de janeiro a julho no estado de São Paulo

“Se a bactéria for para atrás do olho, pode atingir a córnea e, em seguida, passar para o cérebro levando, desta forma, até à morte. Se não tratar a tempo, essa doença é muito séria, evolui rapidamente. Por este motivo decidi alertar outras mamães”, diz. Quando a criança estiver com sinusite , ela sugere lavar bem as mãos dela, passar gel antisséptico e evitar que uma pessoa que esteja espirrando se aproxime.