coronavírus na China
divulgação
Província chinesa onde possivelmente o vírus surgiu, tem mais mortes confirmadas neste sábado

A China confirmou neste sábado (1) que o coronavírus já fez 304 vítimas no país. Forma mais 45 mortes nas últimas 24 horas na província de Hubei, onde está a cidade de Wuhan, epicentro do surto de coronavírus. Ainda não há vacina para combater a doença.

Metade dos infectados pelo coronavírus tem mais de 60 anos, diz estudo

Na mesma província foram confirmados mais 1.921 casos , levando o total de infectados no local a 9.074 pessoas.

Em Wuhan, capital de Hubei e onde se acredita tenha sido o surgimento do vírus foram registrados mais 894 casos neste sábado e 32 mortes. A cidade já registrou 224 óbitos pelo coronavírus.

Na cidade de  Huanggang, que fica a cerca de 60 km de Wuhan, uma morte foi confirmada.

Tomar antibiótico previne a contaminação do coronavírus? Especialistas respondem

Toda província de Hubei esteve em quarentena na última semana, com estradas e transporte público fechados . A província estendeu o feriado do Ano Novo Lunar para 13 de fevereiro, numa tentativa de conter o surto.

No Brasil

O Ministério da Saúde confirmou que o Brasil tem 16 casos suspeitos  de coronavírus. As pessoas em observação estão nos Estados de  Ceará (1), São Paulo (8), Paraná (1), Santa Catarina (2) e Rio Grande do Sul (4).

Dez casos já foram descartados pelo ministério: Minas Gerais (1), Rio de Janeiro (1) , São Paulo (2), Paraná (1), Santa Catarina (2) e Rio Grande do Sul (3).

No mundo

Na última quinta-feira (30), a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou que os casos de coronavírus 2019 são uma emergência de saúde pública de interesse internacional .  São milhares de infecções na China e em mais 23 países.

    Veja Também

      Mostrar mais