O secretário do Partido Democrático (PD) e governador da região do Lazio, Nicola Zingaretti, anunciou neste sábado (7) que testou positivo para o novo coronavírus (Sars-CoV-2).

Leia também: Papa Francisco fará missas via internet por medo do coronavírus

governador arrow-options
Reprodução/ Ansa
O governador Nicola Zingaretti lutava contra o novo coronavírus na região de Lazio e foi contaminado

O político de 54 anos comunicou que contraiu o coronavírus em um vídeo divulgado em suas redes sociais. "Os médicos me disseram que sou positivo na Covid-19. Estou bem, mas terei que ficar em casa pelos próximos dias. A partir daqui, continuarei acompanhando o trabalho que há para fazer. Coragem a todos e até breve", disse Zingaretti.

No vídeo, o líder do PD ainda explicou que ficará em isolamento na sua casa e afirmou que irá "lutar" contra a doença.

Após o anúncio, Zingaretti recebeu diversas mensagens de apoio nas redes sociais, principalmente de políticos italianos, como Matteo Renzi, Paolo Gentiloni, Luigi Di Maio e Matteo Salvini.

"Ao secretário do PD, Nicola Zingaretti, positivo para o vírus, meu desejo de uma rápida recuperação. Não é normal haver controvérsia quando a saúde está envolvida", escreveu o ex-ministro do Interior Salvini.

"Desejo uma rápida recuperação para Nicola Zingaretti. Fico feliz que Nicola tenha tranquilizado a todos pessoalmente com um vídeo. Nesta fase, apesar das dificuldades, é essencial permanecer unido", disse o ministro do Interior da Itália, Di Maio.

Leia também: Segundo caso do novo coronavírus foi confirmado no Rio de Janeiro

De acordo com o balanço divulgado nesta sexta-feira (6) pelo chefe da Defesa Civil da Itália, Angelo Borrelli, o número de mortos pelo novo coronavírus no país chegou a 197, além contabilizar 4.636 casos.

    Veja Também

      Mostrar mais