teste
Pixabay
Cientistas apontam possibilidade de transporte do novo coronavírus pelo ar

Um novo estudo realizado publicado pelo jornal norte-americano The New York Times aponta que o risco de transmissão da Covid-19 é maior em ambientes fechados. O motivo seria a possibilidade de infecção pelo novo coronavírus por meio das partículas suspensas no ar.

Apesar da publicação, a Organização Mundial de Saúde mantém a posição de que ainda não é possivel afirmar uma nova forma de contágio além da transmissão por superfícies. No ar, o novo coronavirus ( Sars-CoV-2 ) pode ser disseminado por gotículas de saliva espalhadas por tosse e espirros.

Os estudos que contestam a OMS , porém, apontam que ambientes como escolas e shoppings devem garantir bons sistemas de ventilação e filtros de ar para evitar o agravamento da pandemia. A maior dificuldade de estudo, de acordo com os cientistas, é o próprio cultivo do vírus em aerossóis e partículas menores, que comprovariam a teoria. 


    Veja Também

      Mostrar mais